Pogba deixa grupo de WhatsApp do United, diz jornal

  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
·2 min de leitura
Neste artigo:
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
Fora da temporada por nova lesão, Pogba deve deixar o Manchester United ao fim do seu contrato, em junho.
Fora da temporada por nova lesão, Pogba deve deixar o Manchester United ao fim do seu contrato, em junho. Foto: (Simon Stacpoole/Offside/Offside via Getty Images)

Paul Pogba não deve mais vestir a camisa vermelha e branca do Manchester United. De acordo com informações do jornal britânico Mirror, o meio campista, inclusive, saiu do grupo de WhatsApp formado pelo elenco dos Red Devils.

Com lesão na panturrilha que o faz ficar fora do restante da temporada, o jogador francês, que tem contrato até o fim do mês de junho com o clube de Manchester, não deve renovar seu contrato e tem as malas prontas, resta saber seu destino. Real Madrid e Paris Saint-Germain já surgiram, em outras janelas de transferências, como interessados em contar com o campeão da Copa do Mundo de 2018 e podem fazer novas propostas para terem Pogba em seus elencos.

Leia também:

Substituído aos 10 minutos do primeiro tempo da partida contra o Liverpool, na última semana, o francês tem período de recuperação mínimo estipulado para quatro semanas, conforme disse o técnico Ralf Rangnick, que também não continuará no Manchester United na próxima temporada: "É muito improvável que ele volte a jogar até o final da temporada. O médico me disse que levará quatro semanas, no mínimo, para ele se recuperar e, como o último jogo é no final de maio, não acho muito provável que ele consiga jogar novamente".

Erik Ten Hag, atual técnico do Ajax, foi anunciado pelo United na última semana como novo técnico do clube a partir da próxima temporada. De contrato assinado até o meio do ano de 2025, com gatilhos que podem realizar a renovação por mais um ano, o holandês disse ser uma honra: "É uma grande honra ser nomeado treinador do Manchester United e estou muito entusiasmado com o desafio que temos pela frente. Conheço a história deste grande clube e a paixão dos torcedores, e estou absolutamente determinado a desenvolver uma equipe capaz de entregar o sucesso que merece".

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos