Podolski é expulso em jogo de torneio beneficente

Jogador que defendeu a seleção alemã, agora joga em time da Polônia, seu país natal

Lukas Podolski foi uma das principais estrelas do torneio beneficente que contou com seis equipes. Foto: Mikolaj Barbanell/SOPA Images/LightRocket via Getty Images
Lukas Podolski foi uma das principais estrelas do torneio beneficente que contou com seis equipes. Foto: Mikolaj Barbanell/SOPA Images/LightRocket via Getty Images

O atacante polonês naturalizado alemão Lukas Podolski, conseguiu uma proeza: ele foi expulso durante seu próprio torneio beneficente de futebol depois de confrontar o árbitro.

Podolski estava participando da Schauinsland Reisen Cup com sua atual equipe Górnik Zabrze, quando eles enfrentaram outros cinco times europeus em um campo coberto.

Leia também:

No confronto semifinal com Rot-Weiss Essen, as decisões dos árbitros deixaram o artilheiro furioso. A arbitragem confusa acabou resultando em três pênaltis marcados, o que alguns jogadores consideraram injusto, incluindo Podolski.

Nos últimos momentos da partida, o alemão derrubou um adversário dentro da própria área. Indignado com a decisão, Podoloski refutou a decisão do árbitro e começou uma discussão acalorada com o árbitro.

Em reação, o árbitro aplicou o cartão vermelho para o ex-astro do Arsenal, que saiu de campo e seguiu mostrando seu descontentamento jogando água no campo e na direção dos árbitros.

A equipe de Podolski, Górnik Zabrze, jogou o restante da partida com um jogador a menos e a expulsão do astro custou caro, já que o Rot-Weiss Essen marcou segundos depois e eliminou o time do anfitrião.

O Gornik, time de Podolski ficou com o terceiro lugar ao bater o FC Kaan Marienborn enquanto o Essen, time que bateu seu time após a expulsão, derrotou o Blau-Weiss Lohne por 8 a 3 na final.

Este conteúdo não está disponível devido às suas preferências de privacidade.
Para vê-los, atualize suas configurações aqui.

Podolski passou as duas últimas temporadas jogando pelo time polonês após passagens pelo Antalyaspor, Vissel Kobe e Galatasaray.

O jogador de 37 anos teve passagens pelo Bayern de Munique, onde não chegou a brilhar e também ficou três anos no Arsenal, onde marcou 31 gols em 82 jogos em todas as competições e ganhou uma Copa da Inglaterra na temporada 2013-2014.