"Podemos vencer qualquer um", avisa suíço Xhaka

O meia Granit Xhaka disse após a vitória da Suíça sobre Camarões por 1 a 0 nesta quinta-feira que sua seleção pode "vencer qualquer um", com o Brasil como próximo adversário na segunda rodada do Grupo G da Copa do Mundo.

Os suíços chegaram às oitavas de final nos dois últimos Mundiais e no ano passado eliminaram França e Espanha da Eurocopa.

"Não é sorte. Nos últimos dez ou 12 anos estivemos nos principais torneios", lembrou o Xhaka.

"O Brasil é o favorito do torneio, do meu ponto de vista. Temos que incomodá-los, como já fizemos (na Copa do Mundo) em 2018", acrescentou.

A Seleção Brasileira empatou com a Suíça em seu primeiro jogo no Mundial da Rússia.

"Creio que o Brasil tem capacidade para escalar três times titulares. Um enorme talento, uma grande qualidade, mas é um jogo de 90 minutos e tudo pode acontecer. Precisamos ser muito compactos e não cometer erros bobos para não pagar por isso", afirmou o capitão suíço.

"Nossa equipe tem muito mais experiência do que há quatro anos. Já estamos pensando no próximo jogo. Podemos vencer qualquer um", avisou Xhaka.

Brasil e Suíça se enfrentam na próxima segunda-feira, no estádio 974.

mw/dr/dam/cb