Pochettino quer voltar a comandar o Tottenham

AFP
Mauricio Pochettino levou o Tottenham para a final da Liga dos Campeões de 2019, mas foi demitido meses depois
Mauricio Pochettino levou o Tottenham para a final da Liga dos Campeões de 2019, mas foi demitido meses depois

Apontado pela imprensa como futuro treinador do Newcastle, caso este clube seja adquirido por um fundo de investimento saudita, o técnico argentino Mauricio Pochettino disse nesta quinta-feira que sonha em retornar ao Tottenham, que o demitiu em novembro.

"Foi uma aventura incrível que terminou como ninguém gostaria que terminasse", explicou o técnico em entrevista à BT Sport, lembrando o final de sua passagem de mais de cinco anos comandando os Spurs.

"Mas no fundo do meu coração, tenho certeza de que nossos caminhos se cruzarão novamente. Desde o dia em que deixei o clube, meu sonho era voltar um dia e terminar o trabalho que não conseguimos terminar. Ficamos muito perto de ganhar a Premier League e a Liga dos Campeões".

Depois de chegar ao Southampton em 2014, Pochettino levou o Tottenham à final da 'Champions' na última temporada e, na temporada de 2016-2017, terminou em segundo no campeonato, sete pontos atrás do Chelsea.

"Será daqui a cinco anos, talvez dez... Mas antes de morrer, quero comandar o Tottenham", insistiu o técnico de 48 anos.

Role para baixo para continuar lendo
Anúncio

Leia também