Placares dos últimos anos mostram equilíbrio entre Santos e Ponte

Não precisa ser um expert em futebol para saber que o confronto entre Santos e Ponte Preta é o mais equilibrado das quartas de final do Campeonato Paulista. E os números recentes do duelo deixam a partida deste sábado, às 16h (de Brasília), no estádio Moisés Lucarelli, em Campinas, ainda mais interessante.

Levando em consideração apenas o Paulistão, as duas equipes contabilizam uma vitória para cada lado desde 2013. Naquele ano, a Macaca levou a melhor sobre o time que ainda contava com Neymar, hoje brilhando no Barcelona. Já na temporada seguinte, os clubes se enfrentaram também pelas quartas de final, e o Peixe avançou com uma sonora goleada de 4 a 0, na Vila.

Em 2015, novo triunfo da Ponte em cima do time que era comandado pelo ex-auxiliar Marcelo Fernandes, atualmente na Portuguesa Santista. E no último ano, mesmo jogando em Campinas, o alvinegro deu o troco e venceu por 2 a 0, com gols de Gabriel e Ricardo Oliveira.

Se o equilíbrio é total no Campeonato Paulista, a coisa não muda muito de figura quando pegamos os números de forma geral. Isso porque na última temporada, o Santos venceu os três jogos que fez contra a Ponte Preta. Porém, em 2015, foi a Macaca que passou o ano inteiro sem perder para o alvinegro da Vila, com dois triunfos e um empate.

“No mata-mata o primeiro jogo pode fazer diferença. Jogar lá (no Moisés Lucarelli) é muito difícil. Todo cuidado é pouco. Não pode errar. Um vacilo pode deixar a classificação cair. Estaremos concentrados para mostrar a força do grupo e sair com a classificação”, ressaltou o goleiro Vanderlei.