Piloto dos EUA morre em treino para bater recorde mundial em salto com moto

·1 minuto de leitura
  • Alex Harvill morreu na última quinta-feira, em um acidente de motocicleta

  • O rapaz treinava para bater o recorde mundial de distância no salto com o veículo

  • Ele foi lançado a uma distância de dez metros e não resistiu aos ferimentos

Um piloto norte-americano de motocicleta morreu na última quinta-feira quando treinava para tentar bater o recorde mundial de distância em um salto com o veículo. Alex Harvill, de apenas 28 anos, sofreu um acidente e não resistiu aos ferimentos.

Leia também:

O rapaz tentava saltar 106,9 metros com sua moto para superar o próprio recorde mundial, estabelecido em 2013, de 90,5 metros. A aterrissagem, porém, ocorreu antes do previsto, o que causou o acidente.

Um vídeo gravado por uma testemunha mostra o momento do impacto. As imagens esclarecem que o choque fez Harvill bater o peito no guidão da moto e ser arremessado a aproximadamente dez metros de distância.

Alex não resistiu aos ferimentos do acidente - Foto: Reprodução/Instagram
Alex não resistiu aos ferimentos do acidente - Foto: Reprodução/Instagram

Segundo o escritório do xerife do condado de Granty, em Washington, onde o piloto treinava, o corpo foi encaminhado para uma autópsia, que determinará a causa do óbito.

Campanha de "vaquinha"

Harvill era casado e deixa dois filhos, um de cinco anos e o outro recém-nascido. Uma campanha de financiamento coletivo foi lançada em nome da família e já arrecadou mais de US$ 42 mil (cerca de 212 mil).

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos