Peru goleia Bolívia (3-0) e segue sonhando com uma vaga na Copa de 2022

  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
·2 min de leitura
Gianluca Lapadula comemora um gol do Peru contra a Bolívia nas eliminatórias sul-americanas para a Copa do Mundo do Catar-2022, no dia 11 de novembro de 2021, em Lima (AFP/SEBASTIAN CASTANEDA)
Neste artigo:
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.

Com um ataque devastador no primeiro tempo, o Peru goleou a Bolívia por 3 a 0 nesta quinta-feira em Lima e somou pontos vitais para continuar sua recuperação nas eliminatórias sul-americanas para a Copa do Mundo do Catar-2022.

Os gols da seleção peruana foram marcados por Gianluca Lapadula aos 9 minutos, Cristhian Cueva, aos 31, e Sergio Peña, aos 39.

Com este resultado, o Peru chegou aos 14 pontos e se mantém na sétima colocação na tabela liderada pelo Brasil (com 34 pontos), que se classificou nesta quinta para o Mundial ao vencer a Colômbia por 1 a 0. A 'Verde', com 12 pontos, ficou na penúltima posição.

Depois de enfrentar a Bolívia, o Peru viaja para Caracas para jogar contra o lanterna das eliminatórias, a Venezuela, na próxima terça-feira.

Já os bolivianos recebem o Uruguai em La Paz (3.600 m de altitude).

- Ficha técnica:

Estádio: Nacional (Lima)

Árbitro: Eber Aquino (PAR)

Gols:

Peru: Gianluca Lapadula (9), Christian Cueva (31), Angelo Peña (39)

Cartões amarelos:

Peru: Christian Cueva (32), Miguel Trauco (50)

Bolívia: Franz Gonzáles (40)

Escalações:

Peru: Pedro Gallese - Luís Advíncula, Christian Ramos, Alexander Callens (Luis Abram, 46), Miguel Trauco - Christofer Gonzales, Renato Tapia, Sergio Peña (Horacio Calcaterra, 80) - André Carrillo (Gabriel Costa, 85) - Gianluca Lapadula (Jefferson Farfán, 69), Christian Cueva (Raziel García, 80). Técnico: Ricardo Gareca.

Bolivia: Carlos Lampe - Jairo Quinteros, Adrián Jusino, Diego Bejarano (Marc Enoumba, 62), José Manuel Sagredo, Leonel Justiniano - Moisés Villarroel, Ramiro Vaca (Victor Abrego, 62), Franz Gonzáles (Fernando Saucedo, 72) - Juan Carlos Arce (Erwin Saavedra 61), Marcelo Martins (Bruno Miranda, 78). Técnico: César Farías.

- Quinta-feira:

Equador - Venezuela 1 - 0

Paraguai - Chile 0 - 1

Peru - Bolívia 3 - 0

Brasil - Colômbia 1 - 0

- Sexta-feira:

(20h00) Uruguai - Argentina

Classificação: Pts J V E D Gp Gc SG

1. Brasil 34 12 11 1 0 27 4 23

2. Argentina 25 11 7 4 0 19 6 13

3. Equador 20 13 6 2 5 21 13 8

4. Chile 16 13 4 4 5 15 14 1

5. Colômbia 16 13 3 7 3 16 17 -1

6. Uruguai 16 12 4 4 4 14 17 -3

7. Peru 14 13 4 2 7 13 19 -6

8. Paraguai 12 13 2 6 5 9 18 -9

9. Bolívia 12 13 3 3 7 17 28 -11

10. Venezuela 7 13 2 1 10 8 23 -15

bds/ma/cm/cl/aam

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos