Perto de período decisivo no Flamengo, jovens lutam para ganhar espaço com Vítor Pereira

Atletas rubro-negros enfrentam o Bangu, mas o olhar é na Supercopa do Brasil (Foto: Gilvan de Souza/Flamengo)


A luta para aprimorar seu ímpeto move o elenco do Flamengo na semana marcada por uma decisão. Perto da equipe medir forças com o Palmeiras na busca pelo troféu da Supercopa do Brasil, o elenco rubro-negro também tenta encontrar seu espaço com o olho atento a um sonho acalentado: o Mundial de Clubes, que virá em fevereiro.

+ Gabigol no TOP-10: veja quais são os principais artilheiros da história do Flamengo

Um dos caminhos passa pelo duelo com o Bangu na terça-feira (24). O técnico Vítor Pereira terá a oportunidade de testar variações na equipe e observar quem tem firmeza para estar à disposição nas competições mais complicadas.

- Essa é uma semana importante para nós porque uma final se aproxima. Vamos ter que nos preparar bem. No próximo jogo, provavelmente, um misto. Provavelmente alguns jogadores da primeira equipe e outros da abaixo da nossa. Temos que aproveitar a semana para nos prepararmos bem para a final - afirmou o treinador em entrevista coletiva.

No dia seguinte ao confronto com os banguenses, o Rubro-Negro tem de entregar sua pré-lista de 35 inscritos para o Mundial de Clubes. Desta pré-lista, sairão os 23 inscritos.

Atualmente, Vítor Pereira indica que tem duas vagas em aberto para a lista final. Uma delas é da meta, que Dyogo Alves tende a ocupar. O titular do sub-20 do Flamengo passou a ser relacionado, uma vez que Hugo Souza negocia sua saída para o Benfica.

A vaga final segue em aberto. O veterano Rodrigo Caio, em fase de recondicionamento físico após a cirurgia à qual foi submetido em setembro de 2022, tem chances remotíssimas.

Ao ser perguntado sobre a disputa entre Matheuzinho e Varela, Vítor Pereira acenou a procura por um lateral na base. No entanto, o Rubro-Negro perdeu um de seus laterais recentemente: Ramon foi anunciado pelo Olympiacos.

Cleiton, Igor Jesus, Werton e Matheusão podem surgir como alternativas aos olhos do comandante rubro-negro. Prestes ao Flamengo ter uma semana de muita dedicação, não faltarão jogadores ansiosos para mostrarem serviço e ficarem à disposição tanto na Supercopa do Brasil quanto no Mundial de Clubes.