Peres reforça multa para Sampaoli deixar o Santos e espera que ele honre o compromisso: 'Permaneça'

Gabriela Brino
LANCE!
Presidente do Santos volta a pedir mais rapidez a Sampaoli para definir seu futuro (Foto: Ivan Storti/Santos FC)
Presidente do Santos volta a pedir mais rapidez a Sampaoli para definir seu futuro (Foto: Ivan Storti/Santos FC)

O presidente José Carlos Peres reforçou na noite do último domingo a multa rescisória do técnico Jorge Sampaoli para deixar o Santos na próxima temporada. Com futuro incerto, o argentino ainda não cravou sua permanência. Ele terá uma reunião com o superintendente Paulo Autuori na próxima semana para conversar sobre o tema.

SIGA O YAHOO ESPORTES NO INSTAGRAM

Com pressa para planejar 2020, o cartola pediu "bom senso" da parte do treinador argentino ao pedir um tempo para decidir. Além disso, citou que a multa não é milionária, mas crê que Sampaoli honrará o compromisso contratual.

Leia também:

Role para baixo para continuar lendo
Anúncio

- Ele pediu um tempo, mas acreditamos no bom senso. Firmamos um compromisso de dois anos - disse o presidente à TV Gazeta.

- Ele tem uma multa (rescisória) média. Não é tão alta. Times grandes têm (condição de pagar), China tem, até a liga americana. Mas a questão não é a multa. É o compromisso. Contrato de 2 anos foi um compromisso. Acredito muito que ele vai permanecer conosco - acrescentou.

A maior insegurança de Sampaoli é a situação financeira do clube. Além de ver jogadores de alto nível com chances de deixar o clube, como Lucas Veríssimo e Soteldo, que estão valorizados no mercado, o argentino foi avisado pela diretoria sobre a dificuldade em contratar jogadores em 2020.

Pensando nisso, Sampaoli não se vê capacitado para fazer uma campanha à altura sem investimento do Santos. Vale lembrar que o Peixe garantiu a vaga para a Libertadores 2020 na última rodada, no clássico contra o São Paulo.

Siga o Yahoo Esportes

Twitter | Flipboard | Facebook | Spotify | iTunes | Playerhunter


Leia também