Pelaipe admite surpresa com saída do Fla e desrespeito com aviso pelo RH

Yahoo Esportes
Paulo Pelaipe, atuando como executivo do Flamengo. Foto: Pedro Martins/AGIF
Paulo Pelaipe, atuando como executivo do Flamengo. Foto: Pedro Martins/AGIF

Paulo Pelaipe não teve o contrato renovado pelo Flamengo. O gerente de futebol foi pego de surpresa com a decisão da diretoria, após participar da gestão vitoriosa em 2019.

SIGA O YAHOO ESPORTES NO INSTAGRAM
SIGA O YAHOO ESPORTES NO FLIPBOARD

Role para baixo para continuar lendo
Anúncio

“O Marcos Braz conversou comigo para a gente renovar e deixamos para assinar na virada do ano, sem problemas. Hoje, quando cheguei ao clube, fui comunicado por uma funcionária do RH, que minha renovação não estava autorizada. Acho que o aviso assim foi um desrespeito”, afirmou, num rápido contato com o blog.

Leia também:

Pelaipe tinha a confiança de Marcos Braz, vice-presidente de futebol. No entanto, sua saída foi determinada pela briga política entre Braz e o vice-presidente de Relações Exteriores, Luiz Alberto Baptista, o Bap. Pelaipe fazia o “meio-campo” entre vestiário e direção. Ele já tinha trabalhado no Flamengo, na gestão de Eduardo Bandeira de Mello, em 2013, com a conquista da Copa do Brasil, naquela temporada.

“Só estou comentando o que aconteceu. Não darei entrevistas e vou divulgar uma nota oficial”, concluiu.

Veja mais de Alexandre Praetzel no Yahoo Esportes

Siga o Yahoo Esportes

Twitter | Flipboard | Facebook | Spotify | iTunes | Playerhunter

Leia também