Pela classificação, Fla briga por vantagem contra o Católica em confrontos no Maraca

Nesta quarta-feira(3), o Flamengo recebe o Universidad Católica no Maracanã de olho numa vaga antecipada para oitavas de final da Copa Libertadores da América. Caso vença o adversário, e o San Lorenzo não derrote o Atlético-PR, o time de Zé Ricardo confirma a classificação. 

O Flamengo já encontrou o Católica na fase de grupos da Copa Libertadores em outras duas oportunidades. A primeira, em 2002, e a segunda em 2010, após entrar como campeão brasileiro na maior competição de clubes da América.

Orlando Berrio German Lanaro Universidad Catolica Flamengo Copa Libertadores 15032017

(Foto: Gilvan de Souza / Flamengo / Divulgação)

No primeiro duelo, em 2002, o Católica foi valente e derrotou o Flamengo por 3 a 1 em pleno Maracanã. Quem descontou para os Rubro-Negros foi Felipe Melo, que hoje defende o Palmeiras. Naquele time, além do volante, nomes expressivos como Petkovic, o goleiro Júlio Cesar e o lateral Athirson.

Já em 2010, quando as duas equipes se encontraram novamente, o Flamengo impos seu jogo e não deu chances aos chilenos. O Rubro-Negro venceu por 2 a 0 com gols de Léo Moura, de falta, e Adriano Imperador, no segundo tempo.

Everton Fluminense Flamengo Carioca 30042017

(Foto: Gilvan de Souza / Flamengo / Divulgação)

Para conquistar a vitória, o Flamengo conta com o bom retrospecto dentro de casa nessa Libertadores. Em 2 jogos, o time conquistou duas vitórias, marcou seis gols e sofreu apenas um. Além disso, o time de Zé Ricardo sustenta uma longa invencibilidade atuando ao lado de sua torcida.

Flamengo e Universidad Católica se enfrentam nesta quarta-feira(3), às 21h45, no Maracanã. A partida é válida pela quarta rodada do grupo 4 da Copa Libertadores da América. 

VEJA TAMBÉM: