Pelé lamenta ataques a menino torcedor do Santos: 'Não precisa pedir desculpas por ser apaixonado por futebol'

·1 min de leitura


Pelé é mais uma personalidade do futebol a comentar sobre os ataques a Bruno do Nascimento, o Bruninho, torcedor mirim do Santos hostilizado nas arquibancadas da Vila Belmiro após ganhar uma camisa do goleiro Jaílson, do Palmeiras.

Em uma rede social, o ídolo do Santos publicou a foto da capa de revista em que aparece posando ao lado de Vává, atacante que já vestiu as cores da Seleção Brasileira e do Palmeiras, com a seguinte legenda:

- Bruninho, você não precisa pedir desculpas por ser apaixonado por futebol. O nosso esporte é lindo, mas seria melhor se todos torcedores tivessem o seu coração. Como pode ver na foto, eu também tinha meu ídolo no Palmeiras, viu? Seja sempre feliz!

Antes, Neymar já havia mandado uma mensagem de apoio ao jogador das categorias de base do Santos. Gabigol, atacante do Flamengo, aumentou a rede de suporte ao menino, e enviou uma camisa autografada a Bruninho.

O Santos convidou o garoto para assistir à partida contra o Red Bull Bragantino nesta quarta-feira, na Vila Belmiro, de camarote. O menino publicou um vídeo das redes sociais pedindo desculpas aos torcedores que se sentiram ofendidos e chegou até a postar que devolveria a camisa. Depois da repercussão, o Peixe entrou em contato com Moises, pai do Bruno, para tentar minimizar o ocorrido depois do clássico.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos