Pelé foi internado para reavaliar tratamento e está em condição estável, diz boletim médico

Pelé durante entrevista coletiva em Paris em 2014

Por Eduardo Simões

SÃO PAULO (Reuters) - O ex-jogador de futebol Pelé, de 82 anos, foi internado na terça-feira para uma reavaliação do tratamento quimioterápico que faz após a detecção de um tumor no cólon e está em um quarto em condição clínica estável, disse o hospital Albert Einstein, em São Paulo, em um boletim médico divulgado nesta quarta-feira.

"Edson Arantes do Nascimento foi internado no Hospital Israelita Albert Einstein ontem (29) para uma reavaliação do tratamento quimioterápico do tumor de cólon identificado em setembro de 2021", disse o hospital.

"Após avaliação médica, o paciente foi levado a um quarto comum, sem necessidade de internação em uma unidade semi-intensiva ou UTI. O ex-jogador está com pleno controle das funções vitais e condição clínica estável", acrescentou.

Mais cedo, a emissora esportiva ESPN Brasil disse em seu site que Pelé havia sido internado com inchaço em todo o corpo, com quadro de insuficiência cardíaca e confusão mental e que havia parado de responder à quimioterapia.

Duas das filhas de Pelé --Kelly Nascimento e Flavia Arantes do Nascimento-- fizeram publicações no Instagram afirmando que o pai estava bem e que havia exagero da mídia nos relatos sobre o estado de saúde do rei do futebol.