Pedro ou Gabigol: quem atuou melhor em suas respectivas seleções brasileiras?

  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
·2 minuto de leitura
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.

Na última semana, Gabigol atuou pela seleção principal do Brasil nos confrontos das Eliminatórias para a Copa de 2022, enquanto o atacante Pedro participou dos amistosos da seleção olímpica de futebol para ganhar forças e chegar bem para disputar as Olimpíadas de Tóquio.

Através disso, debateremos abaixo, de forma separada, como foi a atuação de cada um em suas respectivas seleções e, enfim, saber quem atuou melhor.

Gabigol

Gabigol joga bem, mas passa em branco nos jogos da Seleção pelas Eliminatórias da Copa de 2022. | Buda Mendes/Getty Images
Gabigol joga bem, mas passa em branco nos jogos da Seleção pelas Eliminatórias da Copa de 2022. | Buda Mendes/Getty Images

Na última sexta-feira (4), a Seleção Brasileira venceu a partida contra o Equador, no estádio Beira-Rio, pela sétima rodada das Eliminatórias para a Copa do Mundo de 2022, com uma boa atuação do artilheiro Rubro-negro.

Mesmo sem ter anotado um gol, o jogador foi bastante participativo durante os seus momentos em campo, se movimentando para abrir espaços para os demais companheiros de equipe e realizando diversas jogadas que terminaram em lances perigosos para a seleção equatoriana.

No entanto, no jogo seguinte, contra o Paraguai fora de casa, o atacante não teve as mesmas oportunidades. De uma forma inesperada, Gabigol foi para o banco de reservas e deu lugar a Firmino, que fez uma partida bem apagada com a camisa da seleção brasileira. Gabriel entrou apenas aos 82 minutos de jogo e não conseguiu ter a mesma atuação diante do Equador.

Pedro

Pedro balançou as redes nas duas partidas pela Seleção Olímpica. | Srdjan Stevanovic/Getty Images
Pedro balançou as redes nas duas partidas pela Seleção Olímpica. | Srdjan Stevanovic/Getty Images

Pedro tem o perfume que a bola gosta. Nos dois jogos da Seleção Olímpica de futebol, diante da Seleção de Cabo Verde e da Sérvia, o centroavante Rubro-negro anotou 3 gols na soma das partidas, sendo primordial para o estilo de jogo da equipe.

Além dos 3 gols anotados - 2 feitos contra a Sérvia, na tarde da última terça feira (08), e 1 diante da Seleção de Cabo Verde -, o atacante mostrou, mais uma vez, que possui uma capacidade incrível de fazer jogadas fora da grande área, ajudando seus companheiros em toda parte do campo e, principalmente, marcando os gols.

Pedro demonstrou ser um jogador completo e pronto para os desafios que forem colocados em sua mesa.

Através das análises sobre cada jogador, essa é a pergunta que fica: quem atuou melhor?

Em relação aos jogos analisados, o centroavante Pedro sobressaiu em relação a seu companheiro de equipe Gabigol, que fez uma partida muito boa contra o Equador, mas logo depois perdeu espaço no time titular na vitória contra o Paraguai, jogando fora de casa.

Os dois possuem um nível técnico fora do normal para os padrões brasileiros, não é à toa que foram convocados para jogar pela Seleção Brasileira. Nos confrontos em questão, o atacante Pedro levou a melhor, mas será que na próxima vez a história se repetirá?

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos