Pedrinho rebate jornalista após coluna criticando escolha como melhor comentarista: 'Inacreditável'


O ex-jogador Pedrinho, que atualmente trabalha na "TV Globo", foi eleito o melhor comentarista do ano pelos atletas do futebol brasileiro. Em resposta, a jornalista Milly Lacombe escreveu uma coluna no "UOL" criticando a escolha e foi rebatida pelo ex-Vasco nas redes sociais.

No texto, Lacombe chega a elogiar Pedrinho e dizer que é "um excelente comentarista". Depois, a jornalista escreve que as escolhas do ex-Vasco como o melhor e Ana Thais Matos, também da Globo, e Casagrande como os piores na função "dizem muito sobre o papel da masculinidade tóxica e frágil no futebol". Ela ainda afirma que o ex-jogador ganhou a enquete "por ser o macho-alfa dessa história".

+ Suárez é tricolor: confira a recepção da torcida do Grêmio ao craque uruguaio no aeroporto

Pedrinho tirou um print da manchete da coluna de Milly ("Escolha de melhores e piores é retrato da masculinidade tóxica no futebol") e disse que era "inacreditável".

- Olha isso! Inacreditável! Por favor, leiam! A matéria é pior do que o título! - escreveu.

Pedrinho - stories
Pedrinho - stories

Pedrinho via stories do Instagram

A enquete com os jogadores para saber o melhor e o pior comentarista do ano foi organizada pelo UOL. Pedrinho recebeu 62% dos votos dos entrevistados como o mais qualificado, enquanto Casagrande recebeu 25% como o menos - Ana Thais recebeu 15% e empatou com Sormani e Roger Flores na segunda colocação.