Paulistano domina Vitória e mantém liderança do NBB

Gazeta Press

O Paulistano segue soberano no NBB. Neste sábado, a equipe comandada por Gustavo de Conti manteve o aproveitamento de toda a temporada, acumulou mais um triunfo consecutivo e venceu a equipe do Vitória por 90 a 68. Com o resultado desta noite, o clube paulista segue sem dar espaço para o Flamengo, que também venceu e briga pela ponta.

A superioridade do Paulistano não ficou evidente no primeiro quarto, apesar da boa vantagem no placar. Aos poucos, porém, o líder do NBB teve erros e viu o bom aproveitamento do Vitória diminuir a diferença no placar, vencer a parcial do segundo quarto e ir para o intervalo em melhor momento.

O retorno para os últimos 20 minutos foi onde ficou evidente a supremacia do Paulistano. Com aproveitamento superior a 64% dos pontos e 62 nas bolas de três, o terceiro quarto acabou praticamente determinando mais uma vitória do time paulista. Em boa vantagem, o último período foi mais cadenciado, enquanto o time baiano seguiu utilizando os artifícios possíveis para uma possível virada, que não aconteceu.

Fuller pelo lado do Paulistano e Shaw, pelo Vitória, foram os cestinhas com 17 pontos cada. O time vencedor ainda teve mais cinco jogadores que atingiram a meta de 10 pontos, com destaque para Elinho, autor de 13 pontos e oito assistências.

Basquete Cearense estabelece nona vitória no NBB

A vitória do Basquete Cearense sobre Campo Mourão por 77 a 69 representou também uma noite de recorde para o pivô Leonardo, que estabeleceu a marca de 24 rebotes na partida.

O jogo começou com um primeiro quarto muito superior do time Cearense, que estabeleceu um grande jogo coletivo. Na segunda parcial, a vantagem foi por terra e Campo Mourão conseguiu reagir, indo para o intervalo em vantagem, 37 a 35. A alternância no placar foi a tônica do segundo tempo, com as duas equipes abusando dos erros na parte final, o que culminou para a decisão na prorrogação.

No tempo extra, o Basquete Cearense teve em Rashaun o grande destaque e dominou o período para vencer Campo Mourão por 13 a 5 na parcial e fechando a partida em 77 a 69.

Leia também