Paulistão vai voltar: Governo do Estado aceita novo protocolo do MP e da FPF

LANCE!
·1 minuto de leitura


O Governo do Estado de São Paulo aceitou os novos protocolos elaborados pelo Ministério Público Estadual e pela Federação Paulista de Futebol e as partidas do Campeonato Paulista voltarão a acontecer. O governador João Dória (PSDB) deve anunciar as datas ainda hoje, sexta-feira (9), durante coletiva.


O governador confirmou a volta do estadual nessa manhã, em entrevista concedida à Rádio CBN.

– Ontem (quinta-feira), no início da noite, o Ministério Público, depois de várias reuniões com a Federação Paulista de Futebol e com participação do coordenador do Centro de Contingência do Covid-19, doutor Paulo Menezes, tomou a decisão de liberar os jogos do Campeonato Paulista. A orientação, feita pelo Ministério Público, foi acatada pelo Centro de Contingência e, naturalmente, pelo governo de São Paulo – disse o governador.

A paralisação do futebol em São Paulo teve início no dia 15 de março, quando o Estado entrou na fase emergencial de combate a Covid-19. O primeiro prazo estipulado ia até o dia 30 de março, mas depois foi estendido até 11 de abril.

Até aqui, foram disputadas as primeiras quatro rodadas da fase de grupos do Paulistão e apenas uma partida válida pela 5ª rodada. Faltam oito rodadas para definir a próxima etapa. Após a proibição, duas partidas foram levadas para Volta Redonda-RJ: Mirassol 0 x 1 Corinthians, único jogo da quinta rodada já disputado, e São Bento 1 x 1 Palmeiras, pela terceira rodada.

Federação Paulista e Ministério Público vinham trabalhando em modificações nos protocolos de controle da pandemia no futebol nas últimas semanas. Uma das sugestões acatadas foi passar a realizar os testes de Covid no próprio dia do jogo. Além disso, também surgiu o debate sobre levar ao Tribunal de Justiça Desportiva os atletas que infringirem as regras de isolamento estipuladas.