"Paulinho deu uma Mercedes-Benz a seu motorista na China"

Paulinho deixará saudade no Guangzhou Evergrande. Mas não é só em campo que ele fará falta, fora dele também. O novo jogador do Barcelona deu mostras de sua generosidade na China. Um exemplo foi o carro dado a seu motorista e não é o único ato de humanidade do brasileiro na Ásia.

"Paulinho teve ares de grandeza. Ele dizia 'olá' e 'obrigado' a quase todo mundo e sempre auxilia os demais. Ele é relutante em receber qualquer dinheiro. Porém, adora ajudar as pessoas. Por exemplo, presenteu seu motoristo com um fone da Beats e seu antigo carro, um Mercedes-Benz", afirmou Liang Ke, executivo do Guangzhou Evergrande.

As histórias de carinho e afeição do meio-campista brasileiro não param por aí. Ele também ajudou a um podólogo que levou consigo para o futebol chinês:

"Paulinho trouxe um podólogo particular depois de se unir ao Evergrande. Depois de solucionar todos os problemas sofridos, ele convidou a esposa e os filhos do podólogo para morar na China e cobrir todos os gastos", contou o dirigente.

Paulinho Brazil training 29082016

(Foto: Pedro Martins/MoWA Press)

"Paulinho pagou as matrículas dos filhos dele em uma escola internacional e tammbém pagou as contas médicas depois de um dos filhos ser submetido a uma cirurgia. O jogador, inclusive, ofereceu bilhetes de avião e alojamento em hoteis cinco estrelas se a família do podólogo quisesse viajar para ver seus parentes fora de casa. Conheceu alguém tão bom quanto Paulinho?", indagou Liang Ke.

O jogador tem uma pulseira com os dizeres "Força, Chape". Ele foi um dos atletas que apoiou o clube após a tragédia ocorrida em novembro do ano passado, na queda do avião em Medellín.