Patrick Vieira chuta torcedor do Everton em invasão de campo

Patrick Vieira agrediu um torcedor do Everton durante invasão de campo na Premier League. Foto: Tony Marshall/Getty Images
Patrick Vieira agrediu um torcedor do Everton durante invasão de campo na Premier League. Foto: Tony Marshall/Getty Images

Patrick Vieira, atual técnico do Crystal Palace, atacou um torcedor do Everton que pulou no gramado do Goodison Park em uma invasão para comemorar a vitória dos 'Toffees' por 3 a 2 que garantiu a permanência do Liverpool na Premier League.

A FA (Associação Inglesa de Futebol) está investigando o incidente envolvendo o lendário ex-jogador do Milan, Arsenal, Juventus, Inter de Milão e Manchester City.

Leia também:

Vieira não quis responder à imprensa quando questionado sobre seu incidente com o torcedor do Everton: "Não tenho nada a dizer sobre isso".

O vídeo mostra como o torcedor do Everton, time do brasileiro Richarlison, assedia e insulta Vieira em campo e até coloca um dedo na cara dele, fazendo com que o técnico de 45 anos reaja.

Após o ataque, os torcedores do Everton protegeram Vieira para que ele pudesse sair de campo com segurança. A FA vai investigar o treinador do Crystal Palace, pela agressão no Goodison Park.

Imagens gravadas na televisão mostraram o técnico francês dando socos em um torcedor, após a invasão do campo dos torcedores do Everton depois que o time de Liverpool garantiu a permanência na divisão principal do futebol inglês.

A empolgação dos torcedores se explica: o Everton venceu de virada o Crystal Palace, por 3 a 2, com o gol da vitória nos minutos finais. Richarlison marcou o segundo gol do time comandado por Frank Lampard.

O incidente do Palace não foi o único nesta semana, depois que um torcedor atacou o capitão do Sheffield United, Billy Sharp, causando ferimentos que exigiram pontos.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos