Partiu Itália? Zidane já decidiu que deixará Real Madrid neste verão, crava jornalista

·1 minuto de leitura

Perguntado sobre seu futuro em praticamente todas as últimas entrevistas que concedeu, Zidane deu vários indícios que flertava, de fato, com o adeus ao Real Madrid. Visivelmente desmotivado e frustrado com o desfecho de 2020/21 - uma rara temporada sem títulos na história recente do clube -, o comandante francês chegou a falar sobre a importância de mudanças serem feitas de tempos em tempos: "Chega um momento em que tem que mudar porque é bom para o todo", cravou.

E este deve ser, de fato, o enredo do próximo verão nos bastidores do Bernabéu: mudanças, do elenco à comissão técnica. De acordo com a apuração do jornalista Fabrizio Romano (Sky Sports), o comandante francês já "bateu o martelo" sobre seu futuro, decidindo partir caminhos com o gigante merengue, de imediato. Importante destacar que seu contrato com o Real tem validade até meados de 2022, portanto, as partes precisarão chegar a um acordo para selar a ruptura.

Este conteúdo não está disponível devido às suas preferências de privacidade.
Para vê-los, atualize suas configurações aqui.

A decisão do treinador francês, tricampeão da Champions League e vencedor de LaLiga pelo Real, pode mudar e muito o panorama do mercado de treinadores em solo europeu neste momento. A Inter de Milão está em busca de um novo técnico após anunciar a rescisão consensual com Antonio Conte, ao passo que a Juventus, apesar de publicamente reforçar a confiança em Andrea Pirlo, sempre tratou Zidane como seu 'nome dos sonhos' para um futuro próximo.