Participativo e dinâmico, Wellington Rato deixa boa primeira impressão no São Paulo

Wellington Rato foi o reforço que mais se destacou em sua estreia (Foto: Mauro Horita/Ag. Paulistão)


Um dos reforços mais comentados do São Paulo neste início de temporada, Wellington Rato se destacou em seu primeiro jogo com a camisa do Tricolor paulista. Eleito craque da partida, o jogador deixou uma boa primeira impressão no empate com o Ituano.

Participativo, atuou bastante no ataque, ajudando na construção de jogadas. Além disso, também deu alguns passes-chave. Um deles chamou atenção, quando no segundo tempo, fez uma boa jogada para Luciano, que poderia ter resultado no primeiro gol do Tricolor na partida. Entretanto, o camisa 10 bateu fraco e estava impedido.

Este conteúdo não está disponível devido às suas preferências de privacidade.
Para vê-los, atualize suas configurações aqui.

ATUAÇÕES: Ataque do São Paulo é pouco eficiente em empate na estreia; veja as notas

Veja tabela do Campeonato Paulista e simule os próximos jogos

Veja as movimentações do São Paulo no mercado da bola

Em números, as estatísticas também são positivas. De acordo com dados do Footstats, acertou quase todos os passes que deu (57 certos e 3 errados). Além disso, conseguiu sete cruzamentos, três assistências para finalizações, um drible certo e três desarmes.

Rato começou a partida jogando pelo lado direito. Muito pela posição de Rafinha na linha de defesa, a estratégia era que o meia conseguisse amplitude por este lado. Canhoto, o jogador atuava pela ponta direita e cortava para dentro, situação que rendeu a primeira finalização da partida.

Com pouco tempo de jogo, porém, Rogério Ceni alterou o posicionamento da equipe, deixando Rafinha mais adiantado no flanco direito. Assim, Rato foi reposicionado.

No novo arranjo ofensivo, Wellington Rato atuou pelo lado esquerdo, mas por dentro, próximo de jogadores do setor criativo tricolor, como Calleri, Luciano e Nestor.

Welington foi o responsável pela amplitude no lado esquerdo do campo, enquanto Pedrinho passou a atuar na mesma função de Rato, mas pelo lado direito, ao lado de Rafinha.

O que chamou atenção foi justamente a participação de Rato nas jogadas. Aparecia sempre, queria pegar na bola e arriscar algo, buscar um passe.

Durante a entrevista coletiva, Rogério Ceni analisou o desempenho dos reforços que estrearam contra o Ituano e destacou o trabalho de Wellington Rato. Além do meia, Rafael, Marcos Paulo e Pedrinho fizeram seu primeiro jogo com a camisa do Tricolor paulista.

- O Rato, para mim, foi o que melhor estreou, o que mais produziu, intenso, brigador, tem bom jogo individual e combinado. Do pouco que vi ao vivo, foi o que produziu melhor - disse Ceni.

Como pode ser visto neste domingo (15), é um jogador de beirada, que chama atenção pela agilidade. O atleta já revelou que sonhava em atuar pelo clube do Morumbi e despertou atenção da comissão técnica por conta do seu desempenho na última temporada pelo Atlético-GO. Eleito o 'craque da partida' nesta estreia de Paulista, chega com status para ser titular pelo São Paulo.

Na próxima semana, pode ter a chance de se firmar ainda mais. Na quinta-feira (19), encontra a Ferroviária na Fonte Luminosa. No domingo (20), encara o Palmeiras - um dos maiores rivais do Tricolor - no primeiro clássico de 2023. Caso surpreenda, mais chances ainda de se firmar de vez em sua nova equipe.