Para 'despistar crise', Corinthians terá sequência de três jogos em uma semana

Fábio Lázaro *
·3 minuto de leitura


Uma derrota por goleada em um clássico pode desencadear uma crise em qualquer clube. Porém, após perder por 4 a 0 para o Palmeiras, nesta segunda-feira (18), em jogo atrasado da 28ª rodada do Brasileirão, no Allianz Parque, o Timão terá três jogos em um intervalo de sete dias para driblar um possível sinal de má fase.

> Veja a classificação do Brasileirão e simule os próximos jogos

Antes do Dérbi, a sequência corintiana era ótima, com quatro vitórias consecutivas e sete jogos sem perder, sendo o último triunfo uma goleada por 5 a 0 diante do Fluminense, na Neo Química Arena, pela 29ª rodada do Brasileirão, e, por isso, caberá a Vagner Mancini e a sua comissão técnica recuperar o moral do elenco, para que o revés no clássico não degringole em uma crise.

O primeiro desses três jogos, que encerrarão o mês de janeiro do Timão, será já nesta quinta-feira (21), contra o Sport, na arena corintiana, às 21h, pela 31ª rodada do Brasileirão. Após isso, o Corinthians encara o Red Bull Bragantino, novamente em casa, na próxima segunda-feira (25), às 20h, e depois, no dia 28 de janeiro, a equipe de Parque São Jorge encara o Bahia, no único desses três duelos que será fora de casa, o confronto acontecerá às 19h, e será válido pela 30ª rodada, na qual o Alvinegro não entrou em campo.

Os três próximo adversários do Corinthians, inclusive, estão atrás do Timão na tabela do Brasileirão, sendo que dois deles, Sport e Bahia, brigam contra o rebaixamento. O Tricolor de Aço é o primeiro time no Z4, com 29 pontos, três a menos que o Leão da Ilha, que é 14º. O Red Bull Bragantino, por sua vez, com 38 pontos, é o 12º colocado.

Conseguir bons resultados é fundamental para o sonho do Corinthians de chegar à Libertadores de 2021. A equipe de Parque São Jorge está na nona colocação do Brasileiro, com 42 pontos, oito a menos que o Grêmio, que é o primeiro time do G6, com 50 pontos, mas como o Tricolor Gaúcho e o Palmeiras, quinto, estão na final da Copa do Brasil, hoje, de forma automática, a sétima vaga na competição continental abriria, com o grupo podendo até virar G8, caso o Santos seja campeão da Libertadores e termine entre os sete primeiro no Nacional.

Preparação para a sequência

Nesta terça-feira (19), menos de 24 horas após a derrota para o Palmeiras, reservas (salvo Ramiro e Léo Natal que entraram no intervalo) e não relacionados para o Dérbi iniciaram a preparação corintiana para o duelo contra o Sport. Vagner Mancini comandou um coletivo em campo reduzido no CT Joaquim Grava, enquanto titulares e os suplentes mencionados fizeram apenas atividade regenerativa na parte interna do Centro de Treinamentos.

Após o confronto diante do Leão da Ilha, o Timão terá uma atividade na tarde de sexta-feira (22), certamente nos mesmos moldes de hoje, e terá dois dias de preparação, no sábado (23) e domingo (24), ambos pela manhã, para encarar o Red Bull Bragantino, na segunda-feira (25), às 21h, na Neo Química Arena.

* Sob supervisão de Marcio Monteiro