Para Bruno Alves, elenco é o maior responsável por eliminação do São Paulo no Paulista: 'Não tem desculpa'

Fábio Lázaro
·1 minuto de leitura


O elenco do São Paulo tenta "juntar os cacos" após a eliminação para o Mirassol, nas quartas de final do Paulistão, na última quarta-feira (30). O grupo trabalha no CT de Cotia com vistas à estreia no Campeonato Brasieiro, contra o Goiás às 16h do próximo domingo (9), fora de casa.

Titular da zaga são paulina, Bruno Alves afirma que a responsabilidade pelo mau resultado no estadual é do elenco e é papel dos jogadores alterar o quadro negativo atual.

– Não tem desculpa, todos nós fomos responsáveis pelo que aconteceu. Agora é trabalhar cada vez mais forte para que a gente possa dar a volta por cima. Só os jogadores podem reverter essa situação – disse à SPFCTV.

Para o atleta, inclusive, os mais de quatro meses de paralisação do futebol por conta da pandemia do novo coronavírus não podem servir de justificativa para a eliminação. Segundo Bruno, atuar pelo São Paulo deve ser o suficiente para motivar uma mudança de postura do elenco.

– A parada não teve influência na eliminação. Nada que eu disser agora vai explicar o que aconteceu – pontuou o zagueiro.

– A gente sabe o que o São Paulo representa para cada atleta, como batalhou para vestir essa camisa. Então, acredito que o jogador tem que olhar para dentro de si e procurar fazer cada vez melhor para que isso não se repita mais – completou.

A derrota para o Mirassol pelas quartas de final do Campeonato Paulista significou o 15º ano do Tricolor sem vencer a competição estadual e o oitavo sem títulos, já que a temporada atual terminará apenas no início de 2021.