Palmeiras sai atrás, mas busca virada e bate o Bragantino no Brasileirão Feminino

Palmeiras vence o Bragantino de virada no Brasileiro Feminino (Foto: Divulgação/SE Palmeiras)


Na manhã deste domingo (15), o Palmeiras venceu o RB Bragantino por 2 a 1, no CFA Jarinu, em partida válida pela nona rodada do Campeonato Brasileiro Feminino. Luana Índia abriu o placar para o Massa Bruta, mas Carol e Andressinha deram números finais ao jogo para o Verdão.

GALERIA

> Veja os projetos de novos estádios dos clubes europeus

TABELA

> Confira a tabela completa e simulador do Brasileiro Feminino!

As meninas de Bragança Paulista começaram a partida apertando a saída de bola do time palmeirense. Aos três minutos, Mylena recebeu em boa posição na área, mas a finalização foi desviada pela marcação. Já aos cinco, a insistência virou vantagem. Layssa cobrou escanteio, e Luana Índia completou de primeira para marcar um golaço que inaugurou o marcador para a equipe mandante.

O Palmeiras precisava acelerar para tentar reverter o placar desfavorável. Aos 14’, Bia Zaneratto encontrou um bom passe para Carol, que dominou na área e bateu cruzado para empatar a partida.

A partida ficou equilibrada e as duas equipes buscavam criar chances e surpreender. Primeiro, o RB Bragantino chegou com Ariel, que conseguiu um bom drible dentro da área, mas errou a finalização. Depois, o Palmeiras tentou responder com uma jogada ensaiada de Zaneratto e Julia Bianchi, mas a bola da volante passou por cima do gol.

Aos 43 minutos da primeira etapa, Andressinha apareceu para virar o jogo para a equipe alviverde. A meia recebeu um passe de Camilinha e arriscou de fora da área. A bola acertou o ângulo e não deu nenhuma chance para a goleira Alice. 2 a 1 no placar.

O segundo tempo começou mais truncado no meio de campo. Apesar disso, o Palmeiras foi em busca de manter o bom resultado ou até mesmo ampliá-lo. Aos 11’, Bia Zaneratto inverteu o jogo com Camilinha. A camisa 9 dominou na área e ajeitou para Katrine chutar de primeira, mas a bola acertou a trave.

O técnico palmeirense, Hoffmann Túlio, fez uma série de mudanças e a atacante Byanca Brasil foi uma que tentou fazer a diferença. Logo aos 22 minutos, a jogadora avançou sozinha no campo de ataque e chutou na saída da goleira adversária, que defendeu.

A partida foi sendo cadenciada e cada vez mais equilibrada entre os dois times, sem que nenhuma grande chance de perigo fosse criada nos minutos finais. Com o resultado, o Verdão se manteve na liderança do torneio com 22 pontos, já o clube de Bragança Paulista segue na zona de rebaixamento, somando apenas quatro.

No dia 28 de maio, o RB Bragantino recebe o Esmac, às 15h, em duelo válido pela décima rodada do Brasileirão. Já o Palmeiras mede forças com o São José, em casa, dia 29, às 14h.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos