Palmeiras reencontra torcida para melhorar desempenho no Allianz Parque

·1 minuto de leitura


A espera, enfim, acabou. Neste sábado (9), o Palmeiras volta a reencontrar com a torcida na partida contra o Red Bull Bragantino, pelo Campeonato Brasileiro, às 21h (horário de Brasília). Serão 30% da capacidade total do estádio, mas que podem fazer a diferença em um ano de tropeços em casa.

Em 2021, o Verdão entrou em campo no estádio em 34 oportunidades. Foram 17 vitórias, oito empates e nove derrotas, com 57,8% de aproveitamento. Esse é o desempenho mais baixo do time desde o retorno para casa, contando anos cheios a partir de 2015. No temporada de estreia foram somente duas partidas com um empate e uma derrota, entre novembro e dezembro de 2014.

Curiosamente, o atual ano é o com mais reveses no Allianz Parque e vem logo na sequência da temporada passada, quando foram somente duas derrotas. Com Vanderlei Luxemburgo, Andrey Lopes e Abel Ferreira o aproveitamento foi de 75,30%, próximo do melhor desempenho no Allianz, em 2017: 75,70%.

Com sete compromissos ao lado da torcida até dezembro, a partida diante do Bragantino pode ser o ponto de partida para o Palmeiras engrenar e se manter entre os primeiros colocados do Brasileirão. O Palmeiras pode arrecadar R$ 11 milhões com bilheteria. Durante a pandemia e os portões fechados o prejuízo foi de R$ 4 milhões.

Aproveitamento do Palmeiras no Allianz Parque:

2015: 71,20%
2016: 72,80%
2017: 75,70%
2018: 70,90%
2019: 75,60%
2020: 75,30%
2021: 57,80%

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos