Palmeiras pode bater nesta quarta o recorde brasileiro de gols na Liberta

Thiago Ferri
Time hoje tem os mesmos 278 gols de São Paulo e Cruzeiro pela competição e pode virar o brasileiro que mais vezes balançou as redes do torneio. Zé Roberto tambem busca marca

A partida desta quarta-feira contra o Peñarol (URU) pode render marcas importantes ao Palmeiras na Libertadores. Se fizer um gol, o time já será o brasileiro que mais vezes balançou as redes na competição. Zé Roberto, caso entre durante a partida, também pode bater uma marca e tornar-se o segundo jogador mais velho a disputar o torneio.

Verdão, São Paulo e Cruzeiro são os brasileiros com mais gols na Libertadores: cada um fez 278. Exceto o Palmeiras, que está disputando a Copa pela 16ª vez (é o segundo neste quesito no país), as outras duas equipes não estão entre os competidores desta edição.

Zé Roberto, por sua vez, se jogar vai virar passar o goleiro colombiano Mondragón como o segundo mais velho a disputar uma partida de Libertadores. Nesta quarta ele terá 42 anos, 9 meses e 20 dias e vai passar em um dia o arqueiro, que fez sua última partida no torneio em 2014, pelo Deportivo Cali (COL), com 42 anos, 9 meses e 19 dias.

O camisa 11 já é o atleta brasileiro mais velho a disputar uma partida da competição, pois contra o Peñarol no Allianz Parque ele passou Rogério Ceni, que tinha 42 anos, 3 meses e 22 dias na sua despedida da Liberta, contra o Cruzeiro, em 2015.

No caso do lateral-esquerdo o problema é que ele deve ficar no banco de reservas. Egídio foi titular na vitória contra a Ponte Preta, por 1 a 0, depois da atuação abaixo do esperado de Zé no Moisés Lucarelli. A expectativa é de que o camisa 6 esteja em campo nesta quarta-feira, às 21h45, no estádio Campeón del Siglo, em Montevidéu.







E MAIS: