Palmeiras perde para o Tigres e está fora da final do Mundial

·2 minuto de leitura

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - O Palmeiras perdeu para o Tigres por 1 a 0 na tarde deste domingo (7) e está fora da final do Mundial de Clubes. A equipe se junta assim a Internacional e Atlético-MG como os agora três brasileiros eliminados nas semifinais do torneio. O Inter perdeu para o Mazembe em 2010 e o Atlético para o Raja Casablanca, em 2013. Em partida ruim, a equipe de Abel Ferreira foi dominada pelos mexicanos na maior parte do tempo. No primeiro tempo, as três melhores chances foram do Tigres. Numas delas, Weverton fez um milagre após cabeçada de González. O Tigres voltou também mais ligado para a segunda etapa e, aos 9, Luan fez pênalti em González. Gignac cobrou bem e abriu o placar. Os mexicanos dominaram o meio-campo durante quase toda a partira, com o brasileiro Rafael Carioca e o argentino Pizarro tendo boa atuação. Marcos Rocha também sofreu com as investidas de Quiñonez, outro destaque do time mexicano. A melhor chance do Palmeiras foi aos 31 do segundo tempo, quando Rodríguez quase marcou contra após cruzamento de Willian. O Tigres agora aguarda a partida entre Bayern de Munique e Al Ahly, do Egito, para conhecer seu adversário na final da competição. É a primeira equipe mexicana a chegar a uma decisão de Mundial de Clubes. A partida é na quinta (11), às 15h. Já o Palmeiras enfrenta o perdedor dessa partida na disputa de terceiro lugar, também na quinta, às 12h. PALMEIRAS Weverton; Marcos Rocha (Mayke), Luan, Gustavo Gómez e Viña; Danilo (Felipe Melo), Zé Rafael (Patrick de Paula), Gabriel Menino (Willian) e Raphael Veiga (Gustavo Scarpa); Rony e Luiz Adriano. Técnico: Abel Ferreira. TIGRES (MEX) Guzmán; Rodríguez, Reyes, Meza e Salcedo; Dueñas (Meza), Rafael Carioca, Pizarro, Quiñones (Fulgencio) e Aquino (Sierra); Gignac. Técnico: Tuca Ferretti. FICHA TÉCNICA PALMEIRAS 0 x 1 TIGRES Motivo: Semifinal do Mundial de Clubes 2020 Local: Estádio Education City, em Doha (Qatar) Horário: 15h (de Brasília) Árbitro: Danny Makkelie (Holanda) Assistentes: Mario Diks (Holanda) e Hessel Steegstra (Holanda) VAR: Kevin Blom (Holanda) Cartões amarelos: Gabriel Menino (Palmeiras) e Luan; Aquino e Guzmán (Tigres) Gols: Gignac, do Tigres, aos 4min do segundo tempo.