Palmeiras pega Santo André sob risco de eliminação precoce no Paulista

·2 minuto de leitura
SÃO PAULO, SP, BRASIL. 14.03.2021.  Palmeiras (foto: Rubens Cavallari/Folhapress)
SÃO PAULO, SP, BRASIL. 14.03.2021. Palmeiras (foto: Rubens Cavallari/Folhapress)

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - O Palmeiras entrará em campo, neste domingo (2), em situação difícil no Campeonato Paulista. Caso não vença o Santo André, no estádio do Canindé, em São Paulo, poderá ser eliminado ainda na primeira fase da competição estadual e com duas rodadas de antecedência.

A sobrevivência, a esta altura, já é considerada altamente improvável. Por isso, o técnico Abel Ferreira deverá utilizar uma escalação formada basicamente por reservas no confronto, que terá início às 20h e será exibido pelo SporTV.

Dando prioridade à defesa do título da Copa Libertadores, o Palmeiras perdeu suas duas últimas partidas no Paulista e ficou distante das quartas de final. O time de Abel Ferreira está em terceiro lugar no Grupo C, com 12 pontos, seis atrás do vice-líder Novorizontino.

Como só duas equipes de cada chave avançarão ao mata-mata, a eliminação verde poderá ser sacramentada neste final de semana. Para isso, basta que aumente a distância para a formação de Novo Horizonte, que visitará o Guarani no mesmo horário.

"Só hoje estou a admitir pela primeira vez que [o Paulista] é uma competição única e exclusivamente para dar oportunidade aos mais novos", afirmou Abel, após a derrota por 1 a 0 para a Inter de Limeira na última quinta-feira (29).

Naquele jogo, o português não fez exatamente uma aposta nos meninos, escalando atletas como o volante Felipe Melo, de 37 anos, e o atacante Willian, de 34. Mas, com o adeus à chance de título iminente, o técnico provavelmente adotará uma formação mais jovem no Canindé.

O jogo é importante para o Santo André, que vem atuando no estádio da Portuguesa enquanto o Bruno José Daniel, na região metropolitana de São Paulo, passa por reformas. A equipe do ABC ainda tem chance de classificação no Grupo A e não está livre do risco de rebaixamento.