Palmeiras faz vídeo para provar que Felipe Melo não provocou uruguaios

O Palmeiras divulgou novo vídeo, mostrando que Felipe Melo costuma levantar os braços para agradecer no fim dos jogos e quando o time marca. pic.twitter.com/fV2LaWUJeR

— Thiago Ferri (@b_ferri) April 29, 2017

O Palmeiras divulgou um novo vídeo neste sábado mostrando que Felipe Melo não quis provocar os jogadores do Peñarol (URU) ao levantar os braços após a vitória de quarta-feira. Compilando imagens de jogos desta temporada, o departamento de futebol alega que em outras partidas o meio-campista também levantou os braços ao céu para agradecer após o fim ou em gols.

Na súmula do confronto com o Peñarol, o árbitro Enrique Cáceres coloca que o gesto gerou a reação coletiva dos jogadores uruguaios. O Palmeiras, com estas novas imagens, rebate que "a tese de que Felipe teria provocado os uruguaios não reflete a conduta do atleta".

Por enquanto, o camisa 30 palmeirense está suspenso preventivamente por três partidas da Copa Libertadores. Ele ainda será julgado pelo Tribunal Disciplinar da entidade para conhecer a pena definitiva, que pode ser maior ou menor que essa.

Três jogadores do Peñarol receberam a mesma suspensão preventiva: Nántez, Mier e Lucas Hernández. Todos se envolveram na grande confusão que ocorreu no gramado da arena Campeón del Siglo após o jogo da última quarta, vencido pelo Verdão de virada, por 3 a 2. Os quatro jogadores ficam fora enquanto aguardam o julgamento. Felipe Melo já não poderá enfrentar o Jorge Wilstermann, quarta, em Cochabamba, enquanto os uruguaios desfalcam o Peñarol contra o Tucumán, terça-feira, na Argentina.

Ao mesmo tempo, o Ministério Público do Uruguai também conduz uma investigação sobre o confronto. De acordo com o GloboEsporte.com, os jogadores do Peñarol ouvidos pela promotora Gabriela Fossati alegam que a confusão começou pela atitude de Felipe Melo. Fossati solicitou à Justiça que o palmeirense seja detido para esclarecimentos caso retorne ao país.








E MAIS: