Palmeiras faz treino fechado, e Veiga quer 'glória eterna'

·1 min de leitura

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - O técnico Abel Ferreira comandou o primeiro treino do Palmeiras no Uruguai na tarde desta quinta-feira (25), no Grand Parque Central, estádio do Nacional, em Montevidéu. Como os trabalhos foram táticos, a atividade foi fechada.

Já o Flamengo, com o grupo completo, treinou no estádio Campeón del Siglo, do Peñarol. Renato Gaúcho abriu apenas os primeiros 15 minutos para a imprensa.

Antes da atividade, o meia Raphael Veiga falou sobre a final e a oportunidade de o Palmeiras se tornar o primeiro time a vencer a Libertadores duas vezes consecutivas desde as conquistas do Boca Juniors em 2000 e 2001.

"A gente brinca e fala no vestiário sobre a questão da glória eterna e deixar eternizado o nosso nome na parede do clube", afirma o jogador de 26 anos. "O Palmeiras nunca conseguiu isso. Nós já estamos na história do clube, mas ser bicampeão da Libertadores, além de entrar na história, tem um peso muito grande".

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos