Palmeiras faz primeiro trabalho do dia, e Veiga comemora retorno: '100% recuperado'


O Palmeiras trabalhou na manhã desta quarta-feira tanto na sala de musculação do centro de excelência quanto no campo da Academia de Futebol. Após o café da manhã, os jogadores fizeram ativação muscular na parte interna e depois foram para o gramado, onde, além de atividades físicas, aprimoraram conceitos técnicos e táticos junto à comissão de Abel Ferreira.

> Veja classificação e simulador do Paulistão-2023 clicando aqui

Em uma das movimentações, os atletas de linha foram divididos em quatro times e se revezaram em "duelos" – as equipes aperfeiçoaram balanços defensivos, movimentos específicos, construções de jogadas, etc. Já os goleiros treinaram o tempo todo com os preparadores Rogério Godoy e Thales Damasceno.

O grupo almoça no refeitório e descansa nos quartos para a atividade da tarde, que começará na academia às 16h e terá sequência no campo às 17h. Assim como na última terça, o jantar, às 19h, será obrigatório no centro de treinamento alviverde.

Desfalque do Verdão desde 30 de agosto de 2022 por conta de uma cirurgia no tornozelo direito, o meio-campista Raphael Veiga comentou sobre a saudade de voltar a vestir a camisa do clube – o primeiro compromisso oficial do ano será no dia 14, contra o São Bento, às 20h30, no Allianz Parque, pela primeira rodada do Campeonato Paulista.

- Hoje estou bem melhor, 100% recuperado da lesão. Me sentindo muito bem, leve. Foi difícil nas férias falar que só descansei e esqueci futebol porque eu estava com muita vontade de jogar. Afinal, fiquei longe os últimos dois meses da última temporada. Confesso que a ansiedade bateu nas férias para jogar, mas treinei junto com o pessoal, mesmo quando viajei, para quando chegasse a esse momento de agora eu estivesse bem e preparado para voltar em alto nível e continuar fazendo o que vinha fazendo antes da lesão: gols e ajudando o Palmeiras, de forma sólida e ainda mais feliz - afirmou o camisa 23 para a TV oficial do clube.

Raphael Veiga - Treino Palmeiras
Raphael Veiga - Treino Palmeiras

Veiga treinou na manhã desta quarta-feira (Foto: Cesar Greco/Palmeiras)

Na temporada 2022, Veiga foi o vice-artilheiro do Palmeiras (19 gols, atrás apenas do atacante Rony, com 23) e o único do plantel a balançar a rede em todas as competições do ano: sete vezes no Paulista, duas vezes na Copa do Brasil, seis vezes na Libertadores, três vezes no Brasileiro e uma vez na Recopa Sul-Americana, além de duas vezes no Mundial, referente à temporada 2021.

- Até postei no meu Instagram que foi meu melhor ano em questão de números (a média de 0,43 gols por jogo, decorrentes de 21 tentos em 48 partidas, é a melhor dele no clube), mas eu acho que, em questão de performance e constância, meu ano de 2021 foi melhor. Ano passado, tive duas lesões que me prejudicaram e voltei com um pouco de receio. Esse ano quero ser constante, espero não ter nenhuma lesão que possa me tirar dos jogos. Igual o Abel colocou: é fazer o mesmo, mas melhor. Então é manter o que eu vinha fazendo antes, de um jeito mais consistente.

Para 2023, o elenco do Alviverde teve o incremento de sete pratas da casa campeãs da Copinha de 2022: o zagueiro Naves, os laterais Garcia e Vanderlan, os meio-campistas Fabinho e Jhon Jhon e os atacantes Endrick e Giovani.

O atual elenco conta ainda com oito jogadores que somam 200 duelos ou mais: Dudu (401), Weverton (267), Marcos Rocha (235), Gustavo Gómez (217), Zé Rafael (214), Raphael Veiga (210), Luan (203) e Mayke (200), sem contar Rony (161), Danilo (141) e Gabriel Menino (140), que contabilizam mais de 100. Veiga acredita que a mistura de jovens com atletas experientes consiste em um equilíbrio benéfico ao Verdão.

- Já passei por isso. Quando eu cheguei, tinham jogadores mais velhos e eu com 21 anos. Acho importante essa mescla, porque os jogadores mais jovens vêm com aquela vontade de mostrar, de jogar, fazer de tudo. Hoje tenho 27 anos, não me considero velho, mas perto dos meninos sou mais experiente e já com uma certa noção dos caminhos que dá para encurtar. Eles no vigor e nós na experiência conseguimos achar o equilíbrio nos treinos e jogos e quem ganha com isso é o Palmeiras - finalizou.

> Palmeiras campeão de novo! Relembre todos os títulos do Verdão em 2022

Nesta quinta-feira (5), o Verdão faz seu primeiro jogo-treino de pré-temporada diante do Suzano, às 10h, na Academia de Futebol. Já as partidas contra São José e Desportivo Brasil acontecem três dias depois, em 8 de janeiro, às 10h e 16h, respectivamente. No dia 11, os adversários serão São Bernardo (10h) e Monte Azul (16h). Assim como o primeiro duelo, todos serão no CT do clube.