Palmeiras encara maratona intensa no mês de maio: Abel tem razão sobre calendário?

Verdão terá viagens longas e confronto com altitude em novo mês (Foto: Cesar Greco/SE Palmeiras)


Em abril, o Palmeiras enfrentou uma maratona intensa de nove jogos disputados. Agora, a equipe inicia o mês de maio com oito compromissos pela frente, incluindo decisão na Copa do Brasil, clássico no Brasileirão e altitude na Libertadores.

GALERIA

> Veja quantos minutos cada jogador do Verdão já esteve em campo

TABELA


> Clique aqui e confira a tabela completa e simulador da Libertadores

O confronto contra o Independiente Petrolero nesta terça-feira (3), às 21h30, em Sucre, na Bolívia, é o mais difícil logisticamente. Com uma viagem longa e altitude de aproximadamente 2.800 metros, o elenco palmeirense também precisou treinar com bolas infladas com gás hélio na tentativa de amenizar os impactos do ar rarefeito da cidade boliviana.

GUIA DA LIBERTADORES

> Análise dos adversários, onde assistir e tudo do Verdão no torneio

Depois, o Palmeiras retorna ao Brasil para medir forças com o Fluminense, em casa, e logo em seguida encara mais uma viagem, dessa vez até Londrina, no Paraná, onde visita a Juazeirense-BA pelo jogo decisivo da terceira fase da Copa do Brasil.

Contudo, o Alviverde enfrenta o Deportivo Táchira, da Venezuela, e o Emelec, do Equador, no Allianz Parque, pelas duas últimas rodadas da fase de grupos da Libertadores, diferente do que aconteceu no último mês com os longos deslocamentos para os países em questão.

Assim, após o duelo na Bolívia contra o Petrolero, a maior viagem que a equipe comandada por Abel Ferreira fará será até Caxias do Sul, no Rio Grande do Sul, onde será recebida pelo Juventude para um duelo do Brasileirão.

O intenso mês de maio do Palmeiras se encerra com um clássico contra o Santos, na Vila Belmiro.

Questionado muitas vezes sobre o calendário lotado da equipe Alviverde, o técnico Abel faz questão de deixar claro sua opinião e protesta contra o que, segundo ele, é uma 'insanidade'.

- Eu nunca disse isso, mas quero dar parabéns aos treinadores brasileiros porque é muito difícil jogar aqui, pela insanidade. Não dão tempo para que o treinador brasileiro possa impor suas ideias. Felizmente, e às custas dos meus jogadores, fui ganhando e me mantendo. Da forma como o calendário está feito é impossível ver a qualidade dos treinadores. Impossível - disse o português após a vitória sobre o Corinthians, no dia 24 de abril.

Confira a agenda completa do Palmeiras no mês de maio:

Ind. Petrolero x Palmeiras, 03/5 às 21h30, pela Libertadores
Palmeiras x Fluminense, 08/5 às 16h, pelo Brasileirão
Juazeirense x Palmeiras, 11/5 às 19h, pela Copa do Brasil
Palmeiras x Red Bull Bragantino, 14/5 às 16h30, pelo Brasileirão
Palmeiras x Emelec, 18/5 às 19h, pela Libertadores
Juventude x Palmeiras, 21/5 às 19h, pelo Brasileirão
Palmeiras x Deportivo Táchira, 24/5 às 21h30, pela Libertadores
Santos x Palmeiras, 29/5 às 16h, pelo Brasileirão

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos