Palmeiras e Cuca se reencontram pela terceira vez em jogos eliminatórios

·1 minuto de leitura


A semana de decisão do Palmeiras traz o reencontro com um personagem da história recente do clube. O técnico Cuca, que hoje comanda o Atlético-MG, foi o responsável por conduzir o time alviverde rumo ao título do Brasileirão de 2016, após 22 anos sem uma conquista deste porte.

O primeiro jogo da semifinal da Libertadores marcará o terceiro confronto entre equipe e ex-técnico em mata-matas. O mais memorável deles foi dentro do Maracanã, também pela competição intercontinental, no dia 30 de janeiro. A participação de Cuca nos minutos finais da partida estarão para sempre ligados aos acontecimentos seguintes que consagraram o Palmeiras campeão da América.

Antes da final da Copa Libertadores 2020, a disputa com o ex-técnico do clube foi durante a semifinal do Paulistão do ano anterior. Naquela oportunidade, o treinador defendia o São Paulo, que acabou eliminando o Verdão nos pênaltis por 5 a 4, após o empate sem gols no Allianz Parque.

Além disso, o confronto será o 35º de Abel Ferreira no Allianz Parque. Com isso, o português iguala o comandante atleticano como o treinador com mais jogos no estádio alviverde.

O próximo embate será na casa palmeirense, onde Cuca conquistou seu primeiro campeonato nacional como técnico. O jogo de ida contra o Atlético-MG acontece na terça-feira (21) às 21h30 (horário de Brasília) no Allianz Parque.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos