Palmeiras e Corinthians empatam primeiro jogo da semifinal do Brasileiro feminino

·2 minuto de leitura

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - Palmeiras e Corinthians não fizeram jus à expectativa criada para a primeira partida da semifinal do Brasileiro feminino e empataram em 0 a 0 no Allianz Parque neste domingo (8). Em dérbi morno, o Corinthians, que vinha de 17 vitórias seguidas, ficou mais com a bola, mas não conseguiu transformar a posse em chances efetivas de gol. Houve muitas finalizações para fora ou fracas, como uma de Andressinha, aos 25 do segundo tempo, facilmente defendida pela goleira Vivi. A mais perigosa foi um chute de fora da área de Zanotti, no primeiro tempo, que passou perto do gol. A equipe até chegou a marcar, com Juliete, após cruzamento da direita, mas o lance foi bem anulado pela arbitragem. Havia impedimento na jogada. Do lado palmeirense, a melhor chance foi com a zagueira argentina Agustina. Após escanteio, ela cabeceou de dentro da área, mas a goleira Lele fez uma boa defesa. Na zaga, Agustina foi um dos destaques da partida. A técnica da seleção, Pia Sundhage, foi ao estádio acompanhar a partida. O jogo foi o primeiro empate da história entre as duas equipes no futebol feminino, no 11º encontro entre os clubes. No histórico, o Corinthians tem vantagem no confronto, com seis vitórias. O Palmeiras venceu quatro. A partida de volta é na segunda-feira (16), às 19h, na Neo Química Arena. Quem passar no confronto enfrenta o vencedor de São Paulo x Avaí Kindermann. A equipe catarinense venceu a primeira partida, fora de casa, por 3 a 1. A volta é no sábado (16), na Ressacada. Palmeiras e Corinthians entram em campo antes do jogo de volta, porém. Pelo Campeonato Paulista, que é disputado concomitantemente ao Nacional, o Palmeiras pega o Taboão da Serra na quarta, às 11h. No mesmo dia, às 15h, o Corinthians enfrenta o Taubaté.