Pais de santista Rafael Longuine falecem em acidente de carro

Um trágico acidente vitimou os pais do meia Rafael Longuine, do Santos. Além dos dois familiares do jogador, outras duas pessoas morreram na batida, que envolveu um carro e uma carreta em estrada localizado em Alto Paraná-PR, no sul do Brasil.

Maria Fátima de Carvalho Longuine, de 52 anos, e Wellington Longuine, de 53, não resistiram aos ferimentos e faleceram no local. Lidia Ferreira de Carvalho Castelã e Marcelo Kovalesk foram as demais vítimas da batida.

Muito abalado com a perda, o meia santista foi liberado pela diretoria do clube e não tem data certa para retornar aos trabalhos no CT Rei Pelé e voltar a ser opção para o técnico Dorival Júnior. Em seu perfil no Twitter, o Santos lamentou a morte dos pais do atleta e das demais vítimas.

Além do próprio Longuine, todo o elenco do Peixe se abalou com o trágico acidente. Por isso, apesar de não haver confirmação oficial, é possível que as atividades marcadas para esta terça-feira sejam canceladas, dando tempo aos atletas para se recuperarem.

O Santos volta a campo na próxima quinta-feira, às 21h45 (de Brasília), no Pacaembu, para encarar o Santa Fé, da Colômbia, pela quarta rodada da fase de grupos da Libertadores.

Com cinco pontos, os alvinegros lideram a chave 2 da competição sul-americana e podem ficar perto da classificação às oitavas em caso de vitória sobre o rival de Bogotá, na quinta.