Pai de Max Verstappen admite ter batido em piloto da Red Bull durante Mundial de kart

Redação Motorsport.com
·2 minuto de leitura

O primeiro lançamento em 2021 do vlog de David Coulthard, que o escocês está fazendo para a CarNext, foi com Jos Verstappen e Max Verstappen, pai e filho, como convidados. Entre os temas da conversa, Coulthard fez um balanço da incrível carreira de Max, que em apenas um ano passou do kart para a Fórmula 1 e aos 17 anos estreou na principal categoria do automobilismo mundial ao volante de um Toro Rosso.

Coulthard pediu aos holandeses que relembrassem um episódio vívido nas primeiras aventuras de Max como piloto. Eles estavam no Campeonato Mundial de Kart, durante o qual o jovem Max, por algum motivo, não conseguiu encontrar sua velocidade habitual durante as sessões preliminares.

Então seu pai decidiu usar um método radical de pedagogia de corrida.

"Eu bati nele várias vezes no capacete", Jos admitiu. - "Bams! E eu perguntei a ele: 'garoto, o que você está fazendo?' Era o Campeonato do Mundo e não tinha dúvidas de que poderíamos vencê-lo."

Leia também:

Mercedes propõe renovar apenas por um ano com Hamilton, diz jornal Quarentena de 14 dias foi principal motivo por trás de adiamento do GP da Austrália para novembro Binotto defende que "não há arrependimento" da Ferrari por não contratar Hamilton

Max admitiu que estava realmente "guiando como um bêbado", e então parodiou o comportamento de seu pai: "Ele me dizia, você não pode pilotar normalmente? Bem, vamos todos para casa, vou começar a embalar as coisas".

“Ainda me lembro dos mecânicos desnorteados, eles congelaram. Eles simplesmente não conseguiam entender o que estava acontecendo", acrescentou.

Jos contou com orgulho o que aconteceu a seguir: "Depois disso, se tornou o melhor na classificação, depois ganhou todas as corridas preliminares, as semifinais e a final."

"Sim, depois daquele episódio pareceu que acordei", Max sorriu, lembrando o final de uma história curiosa.

Em 2015 Max Verstappen chegou à Fórmula 1 ainda como menor de idade (isso ele provocou uma mudança de regra na categoria e ninguém mais vai conseguir igualar o feito), e na temporada seguinte foi promovido para a Red Bull, vencendo em sua estreia com a equipe austríaca, no GP da Espanha.

Desde então, como piloto da Red Bull, Verstappen acumulou mais nove vitórias, dez voltas mais rápidas e 41 pódios. E embora não tenha um carro que lhe permitisse sair da terceira posição no mundial, ainda é considerado um futuro campeão. Essa aposta será concretizada algum dia? Vamos ver.

Nova parceria com ThePlayer.com, a melhor opção para apostas e diversão no Brasil

Registre-se gratuitamente no ThePlayer.com e acompanhe tudo sobre Fórmula 1 e outros esportes! Você confere o melhor conteúdo sobre o mundo das apostas e fica por dentro das dicas que vão te render muita diversão e também promoções exclusivas. Venha com a gente!

GROSJEAN exibe pela PRIMEIRA VEZ mãos QUEIMADAS, CHOCA fãs e tem futuro INCERTO

PODCAST: Vettel, Alonso, Schumacher, eventos e mais: o que esperar da F1 em 2021?

Your browser does not support the audio element.