Pai de Gerson abre o jogo sobre Flamengo e Olympique, e garante desfecho da negociação

O volante Gerson brilhou no Flamengo entre 2019 e 2021 (Foto: Alexandre Vidal / Flamengo)


Se a diretoria do Flamengo freou a expectativa da torcida em relação à volta de Gerson - veja a declaração do presidente Rodolfo Landim aqui -, o pai do atleta, Marcão, deu declarações no sentido contrário. Em entrevista ao canal "Barbaridade", garantiu que irá realizar a transferência do filho, reforçando que essa é a vontade do Coringa.

- Quando o cidadão diz que eu gosto de me aparecer, sabe por quê? Porque todas essas reuniões os chamados, aspas, empresários de jogador, que eles dizem que são empresários, eles chegam e falam: 'O Marcão está acabando com a carreira do Gerson'. Acabar com a carreira do Gerson?! Todos os jogadores queriam que eu acabasse com a carreira de alguém… sabe por quê? Já vendi o cara duas vezes, vou completar a terceira venda agora. Falei sem querer (risos) - disse.

- A melhor coisa que poderia acontecer para todos era Gerson retornar para o Flamengo. Se por ventura não conseguirem se entender, infelizmente temos que não fazer o que queremos fazer. Não direi que ele quer voltar para a França. A vontade do atleta é que a negociação com Flamengo se acerte e ele nem tenha que voltar.

As declarações de Marcão, um dos responsáveis pela carreira de Gerson, foram horas depois das falas do presidente Rodolfo Landim, que confirmou o interesse do Flamengo em repatriá-lo, mas avaliou a situação como "muito difícil, se não impossível", devido à distância entre os valores pedidos pelo Olympique e a oferta do Rubro-Negro.

No mesmo dia, o presidente do clube francês, Pablo Longoria, confirmou que está em negociação com o Flamengo, mas, também afirmou que o jogador é aguardado em Marselha no dia 30 de novembro para ser reintegrado ao time caso não haja um acordo.

DIREÇÃO TEM 'CAFÉZINHO' COM GERSON

Enquanto Flamengo e Olympique de Marselha negociam valores, o clube já tem acordo encaminhado com o jogador, que desembarcou no Rio de Janeiro no último sábado. Nesta terça, Gerson se reuniu e foi flagrado ao lado de Marcos Braz e Bruno Spindel, nomes fortes do futebol do clube da Gávea, em um restaurante na Barra da Tijuca.