Pai de Diego comemora convocação e descarta aposentadoria do meia

O técnico Tite convocou a Seleção Brasileira para os jogos contra Uruguai e Paraguai, pelas eliminatórias sul-americanas para a Copa do Mundo de 2018, nesta sexta-feira, em São Paulo, com novidades. Diego foi uma delas. O meia voltou no meio da última temporada ao Brasil e foi chamado pela segunda vez para defender a amarelinha, desta vez, em uma partida oficial.

- É com muita felicidade que recebemos essa noticia. A volta do Diego ao Brasil trouxe alguns benefícios pra ele voltar a Seleção. Está jogando em um grande clube. Esse é um projeto que elaboramos e que está se concretizando. Ele aos poucos está se fixando na Seleção e espero que isso continue. - falou Djair Cunha, pai de Diego, ao programa Momento Esportivo.

Pai e procurador do camisa 35 do Flamengo, Djair Cunha, afirmou que com a ida do meia para a Europa, as convocações para a Seleção Brasileira foram interrompidas, mas que se emociona sempre que o filho é chamado, como se fosse a primeira vez.

- É lógico que devido as suas proporções (emoções pelas convocações). Depois foram interrompida (as convocações) com a ida dele para Europa. Com essa volta ao Brasil surgiu essa convocação, a felicidade é sempre a mesma. Uma convocação para a Seleção Brasileira é sempre uma alegria. - afirmou.





Djair Cunha não descarta a volta do meia para a Europa no futuro, mas prefere pensar no presente e garante que o filho não irá se aposentar, pois ainda possui condicionamento físico para jogar em alto nível durante mais alguns anos.

- Está cedo para falar isso (aposentadoria), temos três anos de contrato com o Flamengo. O Diego está ai com grande perspectivava de título. Tem muito ainda para acontecer. Vai saber (Europa), o Futebol tem uma coisa obscura, temos que pensar no presente. O presente hoje ta ai, Flamengo, Seleção Brasileira, Libertadores, Brasileiro, tem muita coisa bonita para acontecer ainda - finalizou o pai do meia rubro-negro.

Após 12 anos na Europa, Diego retornou ao Brasil e assinou com o Flamengo no meio da última temporada. Estreou pelo clube em partida contra o Grêmio, válido pelo Campeonato Brasileiro, marcando um dos gols na vitória por 2 a 1.




E MAIS: