Pênalti? Relembre a última vez em que grandes de SP e Rio disputaram

O Fluminense conquistou neste último domingo o seu primeiro título em 2017. A Taça Guanabara, invicta, veio em cima do rival Flamengo, nas penalidades (4 a 2), depois de um empate por 3 a 3, em jogo disputado no Engenhão.

O LANCE! relembra os jogos dos grandes de São Paulo e Rio de Janeiro em que os clubes também disputaram os resultados nos pênaltis. Confira abaixo e veja na galeria a última vez que seu time participou de uma decisão.

CORINTHIANS: A equipe alvinegra teve uma disputa recente, na última quinta-feira, diante do Brusque (SC). Na ocasião, o Timão empatou por 0 a 0, e teve que decidir nos pênaltis (3 a 4), a classificação à terceira fase da Copa do Brasil.

SÃO PAULO: A última vez em que disputou uma decisão nos pênaltis foi em janeiro deste ano, quando venceu o Corinthians (4 a 3), e conquistou o título da Florida Cup, nos Estados Unidos.

SANTOS: Em abril do ano passado, o Peixe empatou em 2 a 2 com o Palmeiras e teve de decidir a classificação à final do Paulista nos pênaltis. A equipe de Dorival Júnior levou a melhor nas cobranças e superou o Alviverde por 3 a 2.

PALMEIRAS: Em dezembro de 2015, o Palmeiras fez 2 a 1 no Santos e levou a decisão do título da Copa do Brasil para os pênaltis. Desta vez, o Verdão venceu por 4 a 3 e conquistou a taça.

FLUMINENSE: No Engenhão, o Fluminense enfrentou o Flamengo na decisão da Taça Guanabara. Neste último domingo, a equipe tricolor empatou em 3 a 3 no tempo regulamentar, mas venceu por 4 a 2 nos pênaltis, sagrando-se campeão.

BOTAFOGO: O Glorioso enfrentou o Olimpia no último mês e conseguiu a classificação nos Pênaltis (3 a 1) para a fase de grupos da Copa Libertadores. No tempo regulamentar, a equipe carioca sofreu o revés por 1 a 0.

FLAMENGO: Em 2014, no Maracanã, o Rubro-Negro devolveu o placar de 3 a 0 no Coritiba e, nos pênaltis, avançou para as quartas de final da Copa do Brasil.

VASCO: A última decisão nos pênaltis da equipe alvinegra aconteceu em 2011, quando o Vasco foi derrotado para o Flamengo, campeão do Carioca na ocasião. O jogo terminou em 0 a 0 no tempo regulamentar, mas com a vitória por 3 a 1 do Rubro-Negro nos pênaltis.

















E MAIS: