Otero tem o segundo maior salário do Galo e ida para o Corinthians abre espaço para reforços

Victor Martins
·2 minuto de leitura
Otero chegou ao Atlético em 2016 e, agora, não está nos planos de Sampaoli (Fernando Moreno/AGIF)
Otero chegou ao Atlético em 2016 e, agora, não está nos planos de Sampaoli (Fernando Moreno/AGIF)

Sem espaço com Jorge Sampaoli, o meia Rómulo Otero está perto de deixar o Atlético-MG para defender o Corinthians. Informação divulgada pelo repórter Thiago Reis, da Rádio Itatiaia, e confirmada pelo Blog. O venezuelano tem contrato com o clube mineiro até junho de 2021 e a transferência deve ser por empréstimo, até o término do Campeonato Brasileiro, previsto para fevereiro do ano que vem. Por causa do salário, o Galo está disposto a liberar o atleta sem receber nada em troca.

Baixe o app do Yahoo Mail em menos de 1 min e receba todos os seus emails em 1 só lugar

Siga o Yahoo Esportes no Google News

Otero tem o segundo maior salário do elenco alvinegro, ao lado de Junior Alonso e Diego Tardelli, atrás apenas de Keno. O venezuelano recebe em moeda estrangeira e, com a desvalorização do Real, viu seu ordenando praticamente triplicar em 2020. Otero renovou o contrato em 2018, quando foi emprestado para o Al-Wehda, da Arábia Saudita, em operação que rendeu cerca de R$ 21 milhões para o Galo.

Leia também:

A diretoria atleticana até tentou renegociar o atual contrato com o jogador, que não aceitou. Como o camisa 7 está fora dos planos de Sampaoli e tem um dos maiores salários do elenco, o empréstimo de graça foi uma solução encontrada aliviar a folha de pagamento e abrir espaço para a chegada de novos reforços, como deseja o treinador argentino.

O Corinthians, embora não tenha custos para contratar Otero, terá de arcar com a totalidade dos vencimentos do venezuelano.

Veja mais sobre futebol mineiro no Blog de Victor Martins

Siga o Yahoo Esportes no Instagram, Facebook e Twitter