Os números que justificam a valorização de Lucas Veríssimo

André Schmidt
LANCE!


O contrato de Lucas Veríssimo com o Santos vai até junho de 2022. Apesar de ter ainda mais dois anos de vínculo, no entanto, as partes já negociam um novo acordo. Isso porque o zagueiro vem cobrando da direção santista uma valorização maior. E alguns números jogam à favor do zagueiro.

Aos 24 anos de idade, Lucas é está nos profissionais desde 2015, tendo disputado 155 jogos pelo Peixe. Mais maduro, vem sendo um dos destaques da equipe nas últimas temporadas, inclusive liderando algumas estatísticas.

No Paulistão deste ano, por exemplo, Veríssimo é o zagueiro com mais interceptações certas, com seis, segundos dados do Footstats. No último Brasileirão, no mesmo quesito, o jogador foi o segundo entre os atletas da posição, com 22. Apenas Cuesta, do Internacional, com 28, ficou na frente.



O mesmo aconteceu no ranking de desarmes. O colorado ficou em primeiro, com 79 roubos de bola corretos, mas Lucas, com 74, veio logo atrás, superando todos os outros zagueiros do campeonato.

Nos passes, porém, o domínio foi de Veríssimo. O defensor completou 1803 dos 1902 toques que tentou em 33 jogos do Brasileiro. Foi o maior volume entre todos os jogadores da posição e o 3º no geral.

Na Libertadores 2020, em dois jogos, o santista também já aparece no topo de um dos rankings. Com 27 rebatidas defensivas, Lucas Veríssimo superar todos os outros jogadores da competição. No Brasileiro do ano passado, o zagueiro foi o 6º na listagem do fundamento.

Precisão no passe, leitura de jogo, qualidade nos duelos individuais e também na bola aérea. Nas últimas competições, como mostram os números, Lucas Veríssimo esteve sempre entre os primeiros nestes quesitos. Uma valorização justificada dentro de campo.






Role para baixo para continuar lendo
Anúncio

Leia também