Os motivos que levaram Ricardo Oliveira a processar o Atlético-MG

Jorge Nicola
·2 minuto de leitura
Ricardo Oliveira cobra salários atrasados e danos morais do Galo (Bruno Cantini/Atlético)
Ricardo Oliveira cobra salários atrasados e danos morais do Galo (Bruno Cantini/Atlético)

Ricardo Oliveira é mais um jogador na Justiça contra o Atlético-MG. A decisão de recorrer aos tribunais foi tomada na última terça-feira e na quinta o centroavante já havia conseguido uma liminar que lhe permite procurar clubes - o vínculo com o Galo só termina em 31 de dezembro. A ação é de R$ 3,7 milhões e trata sobre vencimentos atrasados e danos morais.

Baixe o app do Yahoo Mail em menos de 1 min e receba todos os seus emails em 1 só lugar

Siga o Yahoo Esportes no Google News

O centroavante decidiu processar o clube por uma série de motivos. O primeiro foi ter sido impedido de treinar nas instalações do Atlético, que não separou nem sequer um profissional para auxiliá-lo nas atividades. Depois, pelo fato de ter sido excluído da folha de pagamento: ele não recebe salários em carteira desde março e direitos de imagem desde janeiro - o FGTS também está atrasado.

Leia também:

Para completar, Ricardo Oliveira ficou extremamente incomodado com o fato de não ter recebido qualquer comunicação sobre sua situação por parte dos dirigentes do Galo, especialmente do presidente Sérgio Sette Câmara, com quem tinha boa relação.

Foi Sette Câmara quem estendeu o contrato de Ricardo Oliveira até dezembro deste ano em meio a uma série de propostas de rivais, em temporadas anteriores. São Paulo, Santos e Valladolid foram alguns dos clubes que fizeram ofertas oficiais entre 2018 e 2019. O contato do clube espanhol, inclusive, partiu de Ronaldo Fenômeno, que telefonou para Ricardo Oliveira o convidando para se mudar.

Pessoas próximas garantem que o atacante tentou por diversas vezes chegar a um acordo com o Galo, mas a direção do clube se mostrou irredutível em relação aos termos da rescisão, com pagamento dos atrasados feito de forma parcelada em muitos anos.

Agora, aos 40 anos de idade, Ricardo Oliveira está livre para fechar com um novo interessado. Nos últimos dias, ele já havia sido procurado por times da Série A, entre eles o Santos e o Athletico. Revelado na base da Portuguesa, o atacante também recebeu o convite para voltar a jogar no Canindé.

Veja mais de Jorge Nicola no Yahoo Esportes

Siga o Yahoo Esportes no Instagram, Facebook e Twitter

Assine agora a newsletter Yahoo em 3 Minutos