Os espetaculares números de Diego Alves e Weverton nesta rodada da Libertadores

  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
·2 minuto de leitura
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.

Em noite pouco inspirada na última quarta-feira (14), Flamengo e Palmeiras encontraram dificuldades e sofreram, mas conseguiram vitórias importantes na partida de ida das oitavas de final da Conmebol Libertadores. O Rubro-Negro superou o Defensa y Justicia, enquanto o Alviverde bateu o Universidad Católica. Ambos por 1 a 0. E com os goleiros Diego Alves e Weverton fazendo boas interceptações.

Diego Alves e Weverton tiveram exibições muito boas e foram essenciais para que os seus clubes não sofressem gols. O arqueiro do Flamengo, por exemplo, realizou sete defesas no triunfo contra o Defensa – uma defesa a mais que todas as defesas feitas pelos goleiros do clube nos seis jogos da fase de grupos desta Libertadores (6).

Além disso, o camisa 1 do Mais Querido fez o seu segundo jogo com mais defesas pelo clube na Libertadores. Em 2019, ano do bi do clube, o paredão fez oito interceptações contra o San José.

Weverton salvou o Palmeiras contra o Universidad Católica. | Pool/Getty Images
Weverton salvou o Palmeiras contra o Universidad Católica. | Pool/Getty Images

Do outro lado, Weverton também fez o seu segundo jogo com mais defesas pelo Palmeiras no torneio sul-americano: 6. Na temporada passada, quando o Verdão conquistou o seu segundo título da Libertadores, o goleiro fez 10 defesas na derrota por 2 a 0 para o River Plate, pela semifinal de 2020.

Vale notar que o triunfo do Verdão contra o Universidad Católica foi o jogo sem sofrer gols na Libertadores em que o clube mais sofreu finalizações certas desde pelo menos 2011. Ao todo, o Alviverde sofreu sete finalizações certas, com seis defesas de Weverton e uma interceptação de Zé Rafael.

Das chances de gol do Defensa e do Universidad

De acordo com dados do Opta, o índice de Gols Esperados (xG) das finalizações certas sofridas pelo Flamengo era de 2,0. Ou seja, conforme o algoritmo da Stats Perform, com essas chances, era para o Defensa y Justicia ter marcado dois gols contra o Fla, o que não aconteceu.

Já no caso do Weverton, o índice xG das finalizações certas contra o Palmeiras, e que ele defendeu, era de 1,6.

Quer saber como se prevenir do coronavírus? #FiqueEmCasa e clique ​aqui.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos