Os 8 melhores toques de ‘letra’ que terminaram em gol

Antonio Mota
·2 minuto de leitura

Em um clássico super pegado, nervoso e de muita qualidade, o Arsenal virou para cima do Tottenham e conquistou uma importante vitória por 2 a 1, no Emirates Stadium, no início da tarde do último domingo (14), pela 28ª rodada da Premier League 2020/21. Apesar da derrota, os Spurs competiram bem, brigaram e até saíram na frente – com um gol de letra digno de Puskás marcado por Erik Lamela –, mas não conseguiram segurar o placar e foram superados pelo arquirrival.

Sem mais delongas e com o golaço de Lamela, confira os 8 melhores toques de ‘letra’ que terminaram em gol.

8. Mauricio Cataldo (U. de Concepción x U. de Chile)


Mauricio Cataldo queria cruzar ou finalizar? Bom, não há como saber, mas foi um golaço e ajudou a Universidad de Concepción a superar a Universidad de Chile nas quartas de final do Torneio Apertura de 2003.

7. Juan Ramón Fleita

Provocou? Fleitas era um verdadeiro artista com a bola e tinha um dom fantástico para definir os lances. Quem duvidar, basta ver o lance acima.

6. Maradona para Ramón Díaz (Argentina x Suíça)

Com um passe de letra ‘de outro mundo’, Maradona quebrou a defesa da Suíça e deu um lindo passe para Ramón Díaz marcar para a Argentina. Pintura!

5. Federico Insúa (Independiente x River Plate)

Um lance parecia com o de Maradona e Díaz, Insúa fez uma bela jogada e cruzou lindamente de letra para Montenegro abrir o placar em favor do Independiente contra o River Plate.

4. Jonathan Calleri (Boca x Quilmes)

Carlitos Tévez era o nome da vez no Boca Juniors, mas Calleri roubou a cena... Cara a cara com o goleiro do Quilmes, o goleador aproveitou a oportunidade e finalizou de letra para marcar um gol histórico.

3. Ángel Di María (Benfica x AEK Atenas)

Um coelho da cartola? Há muitos anos, quando ainda defendia o Benfica, Di María arriscou e marcou uma pintura de letra. Sem palavras.

2. Erik Lamela (Tottenham x Asteras)

Erik Lamela tem história com o gol de letra. Em 2014, em uma partida do Tottenham contra o Asteras, o argentino deu um lindo toque de “rabona” de fora da área e marcou um golaço.

1. Erik Lamela (Arsenal x Tottenham)

O caso mais recente. Sem muito espaço, Lamela decidiu finalizar de letra e deu sorte. A bola passou por todo mundo e foi morrer no fundo das redes do Arsenal. Um baita gol e em um clássico.