Os 4 melhores goleiros da Copa América

·2 minuto de leitura

Mesmo depois de protestos, crises internas na CBF e declarações polêmicas de jogadores, a Copa América 2021 vai acontecer. E restam poucos dias até o torneio de seleções mais antigo do mundo, afinal, neste domingo (13), quatro times nacionais estarão em campo para dar início ao campeonato.

Hoje, lembramos quem são os quatro melhores goleiros da Copa América.

4. Claudio Bravo (Chile)

Claudio Bravo é goleiro do Real Betis. | Pool/Getty Images
Claudio Bravo é goleiro do Real Betis. | Pool/Getty Images

Aos 37 anos, o veterano Claudio Bravo, do Real Betis, segue fazendo defesas impecáveis e impressionando torcedores - nas Eliminatórias, por exemplo, defendeu uma falta perigosa de Messi. Eleito duas vezes melhor goleiro da Copa América, em 2015 e 2016, o chileno com certeza quer levar La Roja ao topo.

3. Franco Armani (Argentina)

Goleiro da Argentina aparece entre os melhores da posição. | Pool/Getty Images
Goleiro da Argentina aparece entre os melhores da posição. | Pool/Getty Images

Franco Armani demorou a entrar no radar da seleção argentina mas, uma vez que chegou ao time nacional, não saiu mais. O goleiro do River Plate segue sendo um dos principais jogadores da posição na América do Sul e, aos 34 anos, representa a certeza de grandes defesas.

2. Ederson (Brasil)

Ederson foi campeão da Premier League 2020/21. | PETER POWELL/Getty Images
Ederson foi campeão da Premier League 2020/21. | PETER POWELL/Getty Images

Um dos principais nomes do Manchester City, Ederson fez a temporada da sua vida e levou somente 32 gols na Premier League - os Citizens tiveram a defesa menos vazada do campeonato. Embora não seja titular na seleção brasileira, está seguramente entre os melhores da posição na Copa América.

1. Alisson (Brasil)

Alisson é absoluto na posição. | Alex Livesey/Getty Images
Alisson é absoluto na posição. | Alex Livesey/Getty Images

A campanha do Liverpool foi cheia de altos e baixos, assim como o próprio desempenho do arqueiro. Apesar de ter vivido uma breve má fase nos Reds, Alisson terminou o ano futebolístico em alta e conseguiu colocar seu clube na próxima edição da Champions League.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos