Os 10 rebaixamentos mais impactantes do futebol mundial nos últimos tempos

Fabio Utz
·3 minuto de leitura

O rebaixamento causa um forte impacto. No entanto, é natural que a queda de alguns clubes, por conta de sua grandeza, gere mais espanto O Alianza Lima, um dos três times mais populares do Peru, por exemplo, acabou de perder um lugar na elite do país depois de 82 anos. Por isso, listamos os 10 descensos mais chocantes do futebol mundial nos últimos tempos!

1. River Plate (2011)

ALEJANDRO PAGNI/Getty Images
ALEJANDRO PAGNI/Getty Images

Trata-se de um gigante da Argentina, que veio a cair em 2011, após três anos de profunda crise institucional. Voltaria à elite um ano depois, mas é fato que nenhum rebaixamento causou tanto impacto como este.

2. Juventus (2006)

ROBERTO SALOMONE/Getty Images
ROBERTO SALOMONE/Getty Images

Foi por conta do Calciopoli, um escândalo de manipulação de resultados descoberto, que o time de Turim foi parar na segunda divisão, iniciando a disputa com nove pontos a menos. O clube era o mais envolvido no esquema, mas acabou voltando à Série A em 2007.

3. Independiente (2013)

Gabriel Rossi/Getty Images
Gabriel Rossi/Getty Images

Anos de péssimas administrações levaram o time com mais Libertadores em todos os tempos ao buraco da segunda divisão. Era, junto ao Boca Juniors, o clube que jamais havia sido rebaixado. Pois foi...

4. Hamburgo (2018)

TF-Images/Getty Images
TF-Images/Getty Images

O histórico clube alemão tinha em seu estádio um relógio que apontava quanto tempo, de forma ininterrupta, a equipe se mantinha na segunda divisão. A contagem parou em 54 anos. Se tratava da única equipe que havia disputado as 55 temporadas da Bundesliga.

5. América de Cali (2011)

Pool/Getty Images
Pool/Getty Images

Caiu depois de 57 anos ininterruptos na primeira divisão do futebol colombiano. Pois o tradicional clube demoraria nada menos que cinco temporadas para retornar à elite do país.

6. Corinthians (2007)

MAURICIO LIMA/Getty Images
MAURICIO LIMA/Getty Images

Sempre se falava que, no Brasil, se dava um jeito de Corinthians e Flamengo jamais serem rebaixados. Pois isso ficou para trás com a queda do time paulista logo após o fim de uma milionária parceria com a MSI

7. Atlético de Madrid (2000)

Nuno Correia/Getty Images
Nuno Correia/Getty Images

No futebol atual, seria surpreendente pensar em um rebaixamento do time da capital espanhola. Mas o clube que disputava a elite nacional de forma ininterrupta desde 1934 caiu, precisando esperar até a temporada 2001/2002 para regressar.

8. Internacional (2016)

Buda Mendes/Getty Images
Buda Mendes/Getty Images

Bicampeão da América e campeão do mundo, o clube gaúcho foi rebaixado pela primeira vez em sua história ao final de uma administração que, agora, está sendo investigada pelo Ministério Público por conta de desvios de dinheiro. Na rivalidade com o Grêmio, teve que aposentar a frase "time grande não cai".

9. Cruzeiro (2019)

DOUGLAS MAGNO/Getty Images
DOUGLAS MAGNO/Getty Images

Outro clube brasileiro a cair pela primeira vez, a Raposa não resistiu a uma administração perdulária. Nem os dois títulos em sequência da Copa do Brasil nas temporadas anteriores foram suficientes para evitar o fracasso. A tendência, aliás, é que siga na Série B em 2021.

10. Palmeiras (2012)

AFP/Getty Images
AFP/Getty Images

O time paulista já havia caído para a Série B em 2002, mas a queda em 2012 aconteceu de forma até certo ponto surpreendente, afinal, no mesmo ano a equipe venceu a Copa do Brasil.