Orlando Ribeiro defende Marcos Leonardo na derrota do Santos: 'É um garoto'

Orlando Ribeiro acredita estar pronto para comandar o profissional do Santos (Foto: Ivan Storti/Santos FC)


O técnico Orlando Ribeiro elogiou o desempenho do Santos na derrota para o Atlético-MG por 2 a 1, na noite desta quarta-feira, na Vila Belmiro, pela 30ª rodada do Campeonato Brasileiro. Apesar do revés, o treinador gostou do que foi apresentado por sua equipe.


+ ATUAÇÕES: Nathan e Felipe Jonatan afundam o Santos, que fez partida desastrosa

Ainda na primeira etapa, o Peixe criou diversas chances, mas não aproveitou. O atacante Marcos Leonardo chegou a ter duas oportunidades claras, mas perdeu. Em sua coletiva de imprensa, Orlando evitou analisar apenas o resultado do jogo.

- É difícil analisar derrota. Eu prefiro dizer que temos que falar do resultado. O desempenho foi bom, fizemos o que tinha que fazer. O resultado não veio. Temos que lamentar o resultado - disse o técnico.

Apesar de ter balançado as redes em cobrança de pênalti na segunda etapa, Marcos Leonardo foi um personagem negativo do duelo. O Menino da Vila perdeu pelo menos três grandes chances de marcar ainda no primeiro tempo. Orlando Ribeiro analisou a partida de seu pupilo.

- O Marcos, apesar dele significar muito para o Santos, ele é um garoto. Talvez seja ansiedade por não fazer. Esse gol de pênalti vai ajudar. Um pouco mais de tranquilidade e lucidez as coisas vão melhorar para ele e para gente - afirmou o treinador.