Orlando lamenta ano ruim no Santos: "Também somos torcedores"

Orlando Ribeiro vai comandar o Santos na Copinha de 2023 (Foto: Ivan Storti/Santos)


O técnico Orlando Ribeiro lamentou o ano ruim do time do Santos em 2022. A equipe amargou eliminações dolorosas, brigou para não cair no Campeonato Paulista assim como aconteceu na temporada passada, e terminou o Brasileirão deste ano sem grandes conquistas.

Para fazer um resumo, no Paulistão a equipe foi o primeiro fora da zona de rebaixamento na tabela geral. Amargou uma eliminação para o Deportivo Táchira, na Copa Sul-Americana em plena Vila Belmiro. E, para piorar, perdeu por 4 a 0 para o Corinthians nas oitavas da Copa do Brasil.

“Nós estamos muito tristes, muitos frustrados. Nós somos torcedores também, trabalhamos no Santos e estamos torcendo pelo Santos. Sabemos o que o torcedor está sentido, nós tínhamos condições de chegar até uma pré ou até uma zona de classificação para Libertadores, e não chegamos. Estamos tristes e chateados, mas precisa se reerguer e levantar a cabeça”, disse Orlando Ribeiro, após perder para o Fortaleza.

E, no jogo de despedida do Brasileirão, os torcedores fizeram fortes cobranças após a derrota por 2 a 0 para o Fortaleza. No setor das torcidas organizadas da Vila Belmiro, faixas com as seguintes mensagem: “Respeito é bom e eu gosto”, “Presidente omisso”, “Queremos jogadores”, “SAF não” e “Planejamento amador”.