Organizada do Corinthians estende faixas de protesto em frente ao CT: 'Salário grande, futebol pequeno'

LANCE!
·1 minuto de leitura

Apesar da boa campanha no Paulistão, a torcida do Corinthians não tem estado satisfeita com o time que, para completar, teve uma atuação péssima na última quinta-feira contra o River Plate-PAR, lanterna do Campeonato Paraguaio. Por essas e outras, a Gaviões da Fiel estendeu faixas de protestos, na tarde deste sábado, em frente ao CT Joaquim Grava. Atletas, Duilio e Mancini foram alvos.

>> Ouça o 'Segunda Bola', o podcast do Yahoo com Alexandre Praetzel e Jorge Nicola

Em seu perfil oficial no Twitter, a organizada postou as imagens das faixas estendidas em forma de protesto diante da insatisfação pelas últimas apresentações da equipe. Segundo o texto publicado, não houve convocação de mais torcedores devido aos riscos causados pela pandemia de coronavírus.

Leia também:

Entre os recados mandados pela torcida, há críticas em relação a jogadores sem vontade, cobranças a Duilio Monteiro Alves e pressão para o clássico contra o Santos, neste domingo, na Vila Belmiro, pelo Campeonato Paulista.

As faixas fixadas na entrada principal do CT trazem as seguintes frases:

- "Duilio, estamos de olho"
- "Mancini fora já"
- "Clássico é guerra"
- "Jogadore$ sem vontade"
​- "Duilio, arruma essa cag*** ou pula do barco"
- "Salário grande, futebol pequeno"

Em comunicado divulgado no último sábado pela Gaviões, a torcida já havia manifestado a insatisfação quanto ao time e já havia pedido a saída de Vagner Mancini. Na última semana, a organizada também pediu a reprovação das contas do clube nos exercícios 2019 e 2020. Isso porque a reunião para votação por parte do Conselho Deliberativo acontece nesta terça-feira, de forma virtual.

Este conteúdo não está disponível devido às suas preferências de privacidade.
Para vê-los, atualize suas configurações aqui.