OPINIÃO: Bélgica precisa melhorar muito para poder brigar pelo título da Copa do Mundo


A Bélgica flertou com o perigo, teve uma atuação fraca, mas mesmo assim conseguiu vencer o Canadá por 1 a 0 em sua estreia na Copa do Mundo do Qatar. Muito por conta da defesa de pênalti de Courtois quando o jogo ainda estava 0 a 0, a seleção belga ganhou uma sobrevida na partida e Batshuayi marcou, no final do primeiro tempo, o gol da vitória.

Mas apesar da vitória, a sensação é que a Bélgica teve um desempenho muito abaixo daquilo que pode apresentar. A seleção belga foi completamente dominada pelo Canadá durante os primeiros 45 minutos e achou um gol no fim. Mas enquanto o jogo estava empatado, a seleção canadense esteve muito mais perto do gol que os Diabos Vermelhos. Talvez apenas Courtois e Batshuayi, autor do gol, podem se salvar de críticas nesse jogo de estreia.

+ VÍDEO: veja os melhores momentos da vitória da Bélgica sobre o Canadá pela Copa do Mundo

Kevin De Bruyne, apesar de ter sido eleito por votação o melhor jogador em campo, teve uma de suas atuações mais fracas da temporada. Eden Hazard, craque da equipe em 2018, completamente sumido, foi substituído aos 15 minutos do segundo tempo. O trio de zaga Alderweireld, Vertonghen e Dendoncker foram completamente engolidos pelo ataque do Canadá no primeiro tempo de jogo. Tielemans, volante do Leicester, esteve completamente perdido na marcação e saiu no intervalo. Carrasco, uma das melhores válvulas de escape da equipe, teve partida apagada e ainda cometeu o pênalti.

+ Após pegar pênalti, Courtois analisa estreia da Bélgica na Copa do Mundo: 'Não existe jogo fácil'

Fato é que a Bélgica tem uma das melhores equipes da Copa do Mundo em questão de talento, isso não se nega. Mas o desempenho dentro de campo precisa melhorar muito para manter vivo o sonho de conquistar o título de forma inédita.

- Conseguimos os pontos, que é o que conta, mas temos de ser realistas. Nós temos que melhorar. Inclusive eu - disse De Bruyne.

Na defesa, Roberto Martínez precisa consertar o problema dos zagueiros quando enfrentam jogadores rápidos, o que já deu para perceber que é o calcanhar de aquiles dessa linha. Já no ataque, Hazard precisa reencontrar seu futebol e De Bruyne tem que apresentar o mesmo desempenho do Manchester City.

+ De Bruyne, da Bélgica, é eleito melhor em campo e reclama: 'Não mereci, talvez tenha ganhado pelo meu nome'

A Bélgica tem na Copa do Qatar a última chance de conquistar um título com a 'ótima geração' que já está envelhecida. Mas para conseguir coroar essa equipe, a seleção belga precisa apresentar um desempenho muito superior ao que apresentou contra o Canadá. Hoje, em desempenho, a Bélgica está atrás de times como Brasil, Inglaterra, França e Argentina, que apesar da derrota na estreia, tem mostrado recentemente que pode oferecer um futebol de muita qualidade. Caso não evolua, a seleção belga pode até passar pela fase de grupos, mas tem tudo para sofrer contra times mais qualificados no mata-mata.​